...
segunda-feira ,22 julho 2024
Home / Esportes / Brasil não passa de empate com a Colômbia e fica em segundo no Grupo D

Brasil não passa de empate com a Colômbia e fica em segundo no Grupo D

Repro­dução: © Dar­ren Yamashita-USA TODAY Sports/Direitos Reser­va­dos

Seleção enfrentará o Uruguai nas quartas de final da Copa América


Publicado em 03/07/2024 — 00:28 Por Agência Brasil — Rio de Janeiro

ouvir:

O Brasil não pas­sou de um empate de 1 a 1 com a Colôm­bia, na noite des­ta terça-feira (2) no Lev­i’s Sta­di­um, na Cal­ifór­nia (Esta­dos Unidos), para se clas­si­ficar para as quar­tas de final da Copa Améri­ca como segun­do colo­ca­do do Grupo D da prin­ci­pal com­petição de seleções da Améri­ca do Sul.

Des­ta for­ma, a seleção brasileira, que somou cin­co pon­tos na fase ini­cial da Copa Améri­ca, enfrentará o Uruguai (primeiro do Grupo C) na próx­i­ma eta­pa, em par­ti­da pro­gra­ma­da para ser dis­puta­da a par­tir das 22h (horário de Brasília) do próx­i­mo sába­do (6).

Ten­do como adver­sário uma Colôm­bia muito inten­sa e forte fisi­ca­mente, a equipe coman­da­da pelo téc­ni­co Dori­val Júnior encon­trou muitas difi­cul­dades des­de os primeiros min­u­tos de par­ti­da. Logo aos sete min­u­tos James Rodríguez acer­tou um foguete no trav­es­são do gol defen­di­do por Alis­son em cobrança de fal­ta da inter­mediária.

Porém, qua­tro min­u­tos depois quem teve uma fal­ta a seu favor foi o Brasil. Raphin­ha foi para a cobrança e acer­tou um belo chute de esquer­da que foi mor­rer no ângu­lo do gol defen­di­do por Var­gas para abrir o mar­cador. Des­ta for­ma um jogador da seleção brasileira voltou a faz­er um gol de fal­ta após um hia­to de mais de qua­tro anos (o últi­mo, até então, havia sido de Philippe Coutin­ho em novem­bro de 2019).

A par­tir daí a Colôm­bia começou a man­dar na par­ti­da. E, aos 18, chegou a colo­car a bola no fun­do do gol brasileiro, com o zagueiro Davin­son Sánchez de cabeça após cobrança de fal­ta de James Rodríguez. Mas o lance foi anu­la­do por causa de posição irreg­u­lar do ataque colom­biano.

A mel­hor opor­tu­nidade do Brasil surgiu aos 42 min­u­tos, quan­do Vini­cius Júnior inva­diu a área com liber­dade e acabou ten­do sua pro­gressão impe­di­da por Muñoz em lance no qual o brasileiro pediu a mar­cação de penal­i­dade máx­i­ma.

Ner­vosa na par­ti­da, a seleção brasileira fal­hou feio na saí­da de bola aos 46 min­u­tos e ofer­e­ceu a opor­tu­nidade para Luis Díaz empatar, mas Alis­son con­seguiu defend­er. Porém, um min­u­to depois não teve jeito, o Brasil fal­hou nova­mente na saí­da e per­mi­tiu que a seleção colom­biana con­struísse uma boa joga­da que foi final­iza­da de for­ma per­fei­ta por Muñoz para igualar o mar­cador.

Após o inter­va­lo, a seleção brasileira con­tin­u­ou muito abaixo no con­fron­to, e viu o time coman­da­do por Nés­tor Loren­zo assumir as rédeas do jogo para segu­rar o empate até o api­to final.

Edição: Fábio Lis­boa

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Copa América: Brasil enfrenta Uruguai em busca de vaga nas semifinais

Repro­dução: © Vitor Silva/CBF/Direitos Reser­va­dos Partida será disputada a partir das 22h deste sábado (6) …