...
quarta-feira ,28 fevereiro 2024
Home / Saúde / Brasil pode registrar até 4,2 milhões de casos de dengue em 2024

Brasil pode registrar até 4,2 milhões de casos de dengue em 2024

Repro­du­ção: © Lúcio Ber­nar­do Jr./Agência Bra­sil

Estimativa é do Ministério da Saúde


Publi­ca­do em 30/01/2024 — 12:24 Por Pau­la Labois­siè­re – Repór­ter da Agên­cia Bra­sil — Bra­sí­lia

ouvir:

O ano de 2024 deve regis­trar 1.960.460 casos de den­gue no Bra­sil. Essa esti­ma­ti­va, entre­tan­to, pode vari­ar de 1.462.310 até 4.225.885 de casos. Os núme­ros foram divul­ga­dos nes­ta ter­ça-fei­ra (30), em Bra­sí­lia, pelo Minis­té­rio da Saú­de, duran­te encon­tro entre repre­sen­tan­tes da Sala Naci­o­nal de Arbo­vi­ro­ses, do Con­se­lho Naci­o­nal de Secre­tá­ri­os de Saú­de (Conass) e do Con­se­lho Naci­o­nal de Secre­ta­ri­as Muni­ci­pais de Saú­de (Cona­sems).

Nas qua­tro pri­mei­ras sema­nas do ano, o país já con­ta­bi­li­za um acu­mu­la­do de 217.841 casos pro­vá­veis da doen­ça. Há ain­da 15 mor­tes con­fir­ma­das e 149 em inves­ti­ga­ção.

A inci­dên­cia é de 107,1 casos para cada gru­po de 100 mil habi­tan­tes, enquan­to a taxa de leta­li­da­de está em 0,9%.  No balan­ço ante­ri­or, que englo­ba­va as três pri­mei­ras sema­nas de 2024, o país regis­tra­va 12 mor­tes e 120.874 casos pro­vá­veis da doen­ça. Havia ain­da 85 óbi­tos em inves­ti­ga­ção.

Vacina

A dis­tri­bui­ção da vaci­na con­tra a den­gue para os 521 muni­cí­pi­os bra­si­lei­ros sele­ci­o­na­dos pode come­çar na segun­da sema­na de feve­rei­ro. A minis­tra da Saú­de, Nísia Trin­da­de, dis­se nes­ta ter­ça-fei­ra (30) que as doses ain­da não come­ça­ram a ser entre­gues em razão de uma exi­gên­cia da Agên­cia Naci­o­nal de Vigi­lân­cia Sani­tá­ria (Anvi­sa), a ser cum­pri­da pelo labo­ra­tó­rio Take­da, res­pon­sá­vel pela pro­du­ção do imu­ni­zan­te.

“A rela­ção de pri­o­ri­da­des da vaci­na já foi fei­ta. A ideia é dis­tri­buir den­tro daque­le mapa já apre­sen­ta­do. Ain­da não ini­ci­a­mos essa dis­tri­bui­ção por­que há uma exi­gên­cia e ela tem que ser cum­pri­da pelo labo­ra­tó­rio pro­du­tor. É uma exi­gên­cia regu­la­tó­ria da Anvi­sa que a bula este­ja em por­tu­guês. Esta­mos fina­li­zan­do esse pro­ces­so”, expli­cou. “A par­tir do momen­to em que seja solu­ci­o­na­da essa ques­tão, essa é a nos­sa pre­vi­são. Não have­rá por que ter mais delon­gas”, escla­re­ceu.

» Sai­ba quais cida­des rece­be­rão doses de vaci­na con­tra a den­gue

Vacinação

Serão vaci­na­das cri­an­ças e ado­les­cen­tes de 10 a 14 anos, fai­xa etá­ria que con­cen­tra um dos mai­o­res núme­ros de hos­pi­ta­li­za­ções por den­gue. Dados do Minis­té­rio da Saú­de mos­tram que — de janei­ro de 2019 a novem­bro de 2023 — o gru­po res­pon­deu por 16,4 mil hos­pi­ta­li­za­ções, atrás ape­nas dos ido­sos, gru­po para o qual a vaci­na não foi auto­ri­za­da. O esque­ma vaci­nal será com­pos­to por duas doses, com inter­va­lo de três meses entre elas.

A defi­ni­ção de um públi­co-alvo e de regiões pri­o­ri­tá­ri­as para a imu­ni­za­ção foi neces­sá­ria em razão da capa­ci­da­de limi­ta­da de for­ne­ci­men­to de doses pelo labo­ra­tó­rio fabri­can­te da vaci­na. A pri­mei­ra remes­sa, com cer­ca de 757 mil doses, che­gou ao Bra­sil no últi­mo dia 20. O lote faz par­te de um total de 1,32 milhão de doses for­ne­ci­das pela far­ma­cêu­ti­ca. Outra remes­sa, com mais de 568 mil doses, está com entre­ga pre­vis­ta para feve­rei­ro.

arte dengue
Repro­du­ção

 

Edi­ção: Kle­ber Sam­paio

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Saúde e Anvisa reforçam alerta sobre uso de pomada capilar no carnaval

Repro­du­ção: © Fabio Rodri­gues-Poz­ze­bom/ Agên­cia Bra­sil Produto é usado para manter penteados e tranças Publi­ca­do …