...
sexta-feira ,1 março 2024
Home / Justiça / Caso João Pedro: Justiça vai ouvir policiais acusados do assassinato

Caso João Pedro: Justiça vai ouvir policiais acusados do assassinato

Repro­du­ção: © Foto mídi­as soci­ais

Adolescente foi morto em 18 de maio de 2020 no Complexo do Salgueiro


Publi­ca­do em 26/11/2023 — 10:15 Por Ana Cris­ti­na Cam­pos — Repór­ter da Agên­cia Bra­sil — Rio de Janei­ro

ouvir:

A Jus­ti­ça deve ouvir pela segun­da vez, na pró­xi­ma segun­da-fei­ra (27), os três poli­ci­ais civis da Coor­de­na­do­ria de Recur­sos Espe­ci­ais (Core) indi­ci­a­dos pelo assas­si­na­to de João Pedro, então com 14 anos. Ele foi mor­to com um tiro de fuzil, duran­te ope­ra­ção con­jun­ta das polí­ci­as Civil e Fede­ral no Com­ple­xo do Sal­guei­ro, em São Gon­ça­lo no dia 18 de maio de 2020.

A audi­ên­cia será no Fórum de Alcân­ta­ra Juí­za Patrí­cia, em São Gon­ça­lo, a par­tir das 14h. Os três poli­ci­ais che­ga­ram a ser ouvi­dos em audi­ên­cia rea­li­za­da no dia 13 de setem­bro, que aca­bou anu­la­da por con­ta de um pedi­do de revi­são fei­to pela defe­sa e aca­ta­do pela juí­za, o que des­con­si­de­rou os depoi­men­tos da sex­ta audi­ên­cia. Assim, essa será a séti­ma audi­ên­cia judi­ci­al de ins­tru­ção pro­ces­su­al do caso.

Andamento

O Minis­té­rio Públi­co do Rio de Janei­ro denun­ci­ou os três poli­ci­ais por homi­cí­dio e frau­de pro­ces­su­al. A pri­mei­ra audi­ên­cia ocor­reu em setem­bro de 2022, dois anos após o cri­me, quan­do sete tes­te­mu­nhas de acu­sa­ção foram ouvi­das. Na segun­da audi­ên­cia, esti­ve­ram pre­sen­tes mais duas tes­te­mu­nhas de acu­sa­ção.

Na ter­cei­ra, qua­tro poli­ci­ais fede­rais fala­ram. Na quar­ta e na quin­ta, foi a vez de tes­te­mu­nhas de defe­sa e acu­sa­ção serem ouvi­das, incluin­do dele­ga­dos da Polí­cia Civil res­pon­sá­veis pela perí­cia e pela inves­ti­ga­ção do cri­me. A expec­ta­ti­va, após o fim des­se pro­ces­so, é que o Minis­té­rio Públi­co apre­sen­te os argu­men­tos finais, assim como a defe­sa, caben­do à juí­za a deci­são dos pró­xi­mos pas­sos. A expec­ta­ti­va da famí­lia é que até o iní­cio do ano que vem a Jus­ti­ça levo os três réus a júri popu­lar.

Relembre

João Pedro Mat­tos Pin­to, de 14 anos, foi mor­to duran­te uma ope­ra­ção con­jun­ta das polí­ci­as Fede­ral e Civil no Com­ple­xo de fave­las do Sal­guei­ro, em São Gon­ça­lo. João brin­ca­va em casa com ami­gos quan­do, segun­do fami­li­a­res, poli­ci­ais entra­ram ati­ran­do. O meni­no foi atin­gi­do por um dis­pa­ro de fuzil na bar­ri­ga e socor­ri­do de heli­cóp­te­ro, mas não resis­tiu aos feri­men­tos.

Edi­ção: Juli­a­na Andra­de

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Ordem do STF determina que Bolsonaro entregue passaporte à Justiça

Repro­du­ção: © Val­ter Campanato/Agência Bra­sil Exército Brasileiro acompanha cumprimento de alguns mandados Publi­ca­do em 08/02/2024 …