...
sexta-feira ,23 fevereiro 2024
Home / Noticias / Celular Seguro: 20 mil aparelhos são bloqueados após envio de alertas

Celular Seguro: 20 mil aparelhos são bloqueados após envio de alertas

Repro­du­ção: © Tânia Rêgo/Agência Bra­sil

Bloqueio impede uso em caso de furto, roubo ou perda


Publi­ca­do em 12/02/2024 — 10:56 Por Andreia Ver­dé­lio – Repór­ter da Agên­cia Bra­sil — Bra­sí­lia

ouvir:

O Pro­gra­ma Celu­lar Segu­ro já rece­beu 20.055 mil aler­tas de blo­quei­os de usuá­ri­os que já ins­ta­la­ram o apli­ca­ti­vo em seus tele­fo­nes móveis. Lan­ça­do em dezem­bro do ano pas­sa­do pelo Minis­té­rio da Jus­ti­ça e Segu­ran­ça Públi­ca (MJSP), o pro­gra­ma pos­sui mais de 1,4 milhão de usuá­ri­os cadas­tra­dos, com mais de 1,1 milhão celu­la­res.

A pla­ta­for­ma fun­ci­o­na como uma espé­cie de botão de emer­gên­cia que deve ser uti­li­za­do somen­te em casos de per­da, fur­to ou rou­bo do celu­lar. A ação garan­te o blo­queio ágil do apa­re­lho, da linha telefô­ni­ca e de apli­ca­ti­vos ban­cá­ri­os em pou­cos cli­ques.

O aces­so ao Celu­lar Segu­ro é fei­to por meio do cadas­tro no Gov.br, a pla­ta­for­ma de ser­vi­ços do gover­no fede­ral. Os apa­re­lhos podem ser regis­tra­dos via site - ou apli­ca­ti­vo, dis­po­ní­veis na Play Sto­re (Android) e na App Sto­re (iOS). As empre­sas que já ade­ri­ram à ini­ci­a­ti­va estão des­cri­tas nos ter­mos de uso.

Não há limi­te para o cadas­tro de núme­ros, mas eles pre­ci­sam estar vin­cu­la­dos ao CPF do titu­lar da linha para que o blo­queio seja efe­ti­va­do. Quem esti­ver cadas­tra­do no Celu­lar Segu­ro pode indi­car pes­so­as da sua con­fi­an­ça, que esta­rão auto­ri­za­das a efe­tu­ar os blo­quei­os, caso o titu­lar tenha o celu­lar rou­ba­do, fur­ta­do ou extra­vi­a­do.

Tam­bém é pos­sí­vel que a pró­pria víti­ma blo­queie o apa­re­lho aces­san­do o site por meio um com­pu­ta­dor. Após o envio do aler­ta, as ins­ti­tui­ções finan­cei­ras e empre­sas de tele­fo­nia que ade­ri­ram ao pro­je­to farão o blo­queio. O pro­ce­di­men­to e o tem­po de blo­queio de cada empre­sa tam­bém estão dis­po­ní­veis nos ter­mos de uso do site e do apli­ca­ti­vo.

Desbloqueio

A fer­ra­men­ta Celu­lar Segu­ro não ofe­re­ce a pos­si­bi­li­da­de de fazer o des­blo­queio. Caso o usuá­rio emi­ta um aler­ta de per­da, fur­to ou rou­bo, mas recu­pe­re o tele­fo­ne em segui­da, terá que soli­ci­tar os aces­sos entran­do em con­ta­to com a ope­ra­do­ra e os ban­cos. Cada empre­sa segue um rito dife­ren­te para a recu­pe­ra­ção dos apa­re­lhos e das con­tas em apli­ca­ti­vos.

A pla­ta­for­ma foi dese­nha­da pelo MJSP em par­ce­ria com a Fede­ra­ção Bra­si­lei­ra de Ban­cos (Febra­ban) e a Agên­cia Naci­o­nal de Tele­co­mu­ni­ca­ções (Ana­tel). O obje­ti­vo é redu­zir a “atra­ti­vi­da­de” da prá­ti­ca de rou­bos e fur­tos e deses­ti­mu­lar a recep­ta­ção de apa­re­lhos rou­ba­dos.

 

arte celular seguro
Repro­du­ção

 

Edi­ção: Valé­ria Agui­ar

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Expedição para pesquisa busca espécies de peixes-elétricos na Amazônia. Foto: Acervo dos Pesquisadores

Pesquisadores fazem expedição em busca de peixes-elétricos na Amazônia

Repro­du­ção: © Acer­vo dos Pes­qui­sa­do­res Ação visa identificar novas espécies e preservar biodiversidade local Publi­ca­do …