...
domingo ,14 julho 2024
Home / Esportes / Copa do Nordeste: Bahia e Ferroviário empatam em jogo eletrizante

Copa do Nordeste: Bahia e Ferroviário empatam em jogo eletrizante

Repro­dução: © Felipe Oliveira/EC Bahia/Direitos Reser­va­dos

Ceará supera o Sampaio Corrêa no Presidente Vargas


Pub­li­ca­do em 04/02/2023 — 23:20 Por Mau­rí­cio Cos­ta — Repórter da EBC — Rio de Janeiro

ouvir:

Em um jogo eletrizante no segun­do tem­po, Bahia e Fer­roviário ficaram no 2 a 2 na noite deste sába­do (4) na Fonte Nova. Todos os gols saíram na eta­pa com­ple­men­tar. Com o resul­ta­do, o Esquadrão de Aço con­quis­tou seu primeiro pon­to na Copa do Nordeste e está na sex­ta colo­cação do Grupo B, enquan­to o Fer­rão chegou a 4 pon­tos e ocu­pa a segun­da posição do Grupo A.

A primeira boa chega­da foi do Bahia. No primeiro min­u­to de jogo, Ricar­do Goulart com­ple­tou, de cabeça, a cobrança de escant­eio. Dou­glas Dias fez boa defe­sa. O primeiro gol do time da casa só não saiu aos 24 min­u­tos por um mila­gre do goleiro. Biel encon­trou Kayky den­tro da grande área, ele chutou cruza­do de per­na dire­i­ta e a bola explodiu na trave. No rebote, Ever­al­do soltou a bom­ba e obrigou Dou­glas Dias a faz­er grande defe­sa.

Dez min­u­tos depois o Esquadrão de Aço perdeu nova opor­tu­nidade. Con­tra-ataque pux­a­do por Ricar­do Goulart que pas­sou para Kayky. O camisa 37 entrou soz­in­ho, mas final­i­zou no trav­es­são, des­perdiçan­do a últi­ma grande chance da primeira eta­pa.

O Fer­roviário voltou mel­hor no segun­do tem­po. Orga­ni­za­do, pres­sio­nou o Bahia nos min­u­tos ini­ci­ais e deu tra­bal­ho à defe­sa do time da casa. Quan­do o Tri­col­or ten­tou par­tir para cima, sofreu um con­tra-ataque de almanaque. Éder Lima avançou pelo meio, driblou dois mar­cadores e deu lin­do passe para Deysin­ho na dire­i­ta. O camisa 7 encon­trou Erick Pul­ga soz­in­ho na peque­na área, que só teve o tra­bal­ho de empurrar a bola para o fun­do das redes do Bahia. Um golaço do Fer­rão na Fonte Nova, aos nove min­u­tos.

Atrás no placar, o téc­ni­co Rena­to Pai­va fez duas sub­sti­tu­ições: tirou Kayky e Diego Rosa para as entradas de Daniel e Lucas Mug­ni. O empate veio logo depois. Fal­ta pela dire­i­ta de ataque que Mug­ni, em sua primeira par­tic­i­pação, cobrou com maes­tria, de per­na esquer­da. A bola ain­da tocou no pé da trave esquer­da do goleiro Dou­glas Dias antes de entrar. Tudo igual na Fonte Nova.

O Bahia teve a chance da vira­da aos 20 min­u­tos. Daniel aproveitou rebote den­tro da área e cru­zou para Ever­al­do, que subiu soz­in­ho entre os zagueiros do Fer­roviário, mas cabeceou para fora. A pressão aumen­tou. Três min­u­tos depois, Daniel apare­ceu pela dire­i­ta e cru­zou na medi­da para Ricar­do Goulart, que desvi­ou e obrigou Dou­glas Dias a faz­er grande defe­sa.

Aos 31 min­u­tos, Dou­glas Dias apare­ceu nova­mente para sal­var o time vis­i­tante. Em novo chute de fora da área de Lucas Mug­ni, o goleiro espal­mou para o meio da área. No rebote, Daniel arrema­tou de primeira, e Dou­glas Dias se esti­cou todo para sal­var mais uma vez o Fer­roviário.

Aos 38 min­u­tos não deu mais para segu­rar. Biel inva­diu a área do Fer­roviário, cor­tou para ten­tar o drible em cima de Éder Lima e caiu após o choque. O árbi­tro assi­nalou pênalti, muito con­tes­ta­do pelo Fer­roviário. Ever­al­do foi para a cobrança e não des­perdiçou: 2 a 1 para o Bahia na Fonte Nova.

Após a vira­da, o Bahia ain­da teve duas chances claras de ampli­ar, uma com Biel cara a cara com Dou­glas Dias e out­ra com Ricar­do Goulart já sem goleiro. O cas­ti­go veio aos 46 do segun­do tem­po. Erick Pul­ga rece­beu passe após tabela e final­i­zou com cat­e­go­ria no can­to esquer­do de Mar­cos Felipe para deixar tudo igual.

Na próx­i­ma roda­da, o Fer­roviário enfrenta o CSA, na terça-feira (14), às 19h30, no Rei Pelé. Já o Bahia recebe o For­t­aleza, no mes­mo dia, às 21h30, na Fonte Nova.

Empate nos Aflitos

Ain­da neste sába­do, Náu­ti­co e CRB ficaram no 2 a 2 nos Afli­tos. O CRB man­teve a inven­ci­bil­i­dade e ocu­pa, momen­tanea­mente, a segun­da posição do Grupo A. Já o Tim­bu é o líder do Grupo B, com qua­tro pon­tos.

Vitória do Vozão

No Pres­i­dente Var­gas, o Ceará se recu­per­ou da der­ro­ta por 3 a 0 para o Fer­roviário e venceu o Sam­paio Cor­rêa por 2 a 0. Mes­mo placar de ABC e For­t­aleza. Jogan­do em casa, no Frasqueirão, o time do Rio Grande do Norte acabou com a inven­ci­bil­i­dade do Leão no ano, que entrou com um time mis­to.

Neste domin­go, o Sergipe recebe o Atléti­co-BA, às 16h, no Batistão. No mes­mo horário, CSA e Vitória se enfrentam no Rei Pelé. O Campinense pega o Sport, às 18h, no Amigão. A segun­da roda­da ter­mi­na ape­nas na quar­ta-feira (8), com San­ta Cruz e Flu­mi­nense-PI, no Arru­da, às 20h.

Edição: Fábio Lis­boa

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Thiago Braz não consegue índice para disputar os Jogos de Paris

Repro­dução: © Reuters/Dylan Martinez/Direitos Reser­va­dos Campeão olímpico no salto com vara disputou o Troféu Brasil …