...
sábado ,13 julho 2024
Home / Noticias / Correios vão vender seguros nas agências em 2024

Correios vão vender seguros nas agências em 2024

Repro­dução: © Marce­lo Camargo/Agência Brasil

Objetivo é a diversificação de serviços e a recuperação financeira


Pub­li­ca­do em 04/07/2023 — 13:16 Por Fabío­la Sin­im­bú — Repórter da Agên­cia Brasil — Brasília

ouvir:

Em bus­ca da diver­si­fi­cação de serviços e como estraté­gia de recu­per­ação finan­ceira, os Cor­reios pas­sam a ofer­e­cer pro­du­tos de seguros nas agên­cias e nos canais dig­i­tais. O serviço será ofer­ta­do em parce­ria com a vence­do­ra do proces­so lic­i­tatório, a Pre­vi­sul, que propôs a apli­cação de R$ 150 mil­hões em inves­ti­men­tos na empre­sa públi­ca.

O iní­cio das oper­ações está pre­vis­to para janeiro de 2024, quan­do as mais de 10 mil agên­cias dis­tribuí­das em todos os municí­pios brasileiros pas­sarão a vender seguros de vida, res­i­den­cial, funer­al e de riscos vari­a­dos, para aten­der a clientes tan­to na área profis­sion­al, quan­to na pes­soal.

Em nota, a insti­tu­ição infor­mou que com o inves­ti­men­to, os Cor­reios poderão colo­car em fun­ciona­men­to uma nova divisão, que será respon­sáv­el exclu­si­va­mente pela ofer­ta do serviço.

Segun­do o pres­i­dente dos Cor­reios, Fabi­ano Sil­va dos San­tos, esta é a primeira de uma série de ações que a empre­sa deve anun­ciar nos próx­i­mos meses, den­tro da estraté­gia de recu­per­ação de recei­ta. Após uma crise que teve iní­cio antes da pan­demia e o próprio impacto cau­sa­do na econo­mia pela covid-19, a empre­sa foi reti­ra­da do Pro­gra­ma Nacional de Deses­ta­ti­za­ção e apos­ta na exten­são da rede de agên­cias e na lon­ga exper­iên­cia de atendi­men­to ao públi­co para alcançar a recu­per­ação econômi­ca. “Nos­sa estraté­gia é diver­si­ficar e ampli­ar os serviços dos Cor­reios, de for­ma a aumen­tar a relevân­cia da estatal no mer­ca­do e aten­der às neces­si­dades da pop­u­lação, pro­por­cio­nan­do aos con­sum­i­dores opção con­fiáv­el e acessív­el no seg­men­to de seguros”, expli­ca Fabi­ano.

A Pre­vi­sul é uma empre­sa com 110 anos de exper­iên­cia no setor, que inte­gra o Grupo Caixa Segu­rado­ra, con­tro­la­do pela Caixa Econômi­ca Fed­er­al e pela empre­sa france­sa CNP Assur­ance. Como vence­do­ra da lic­i­tação, ela poderá ofer­e­cer o serviço de seguros nos Cor­reios por dez anos, poden­do depois ren­o­var o con­tra­to pelo mes­mo perío­do.

Edição: Graça Adju­to

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

F20: favelas cariocas promovem fórum de debates sociais de olho no G20

Repro­dução: © Fer­nan­do Frazão/Agência Brasil Objetivo é ampliar participação das comunidades na cúpula Publicado em …