...
segunda-feira ,22 julho 2024
Home / Saúde / Covid-19: seis capitais começaram a vacinar crianças de 3 a 5 anos

Covid-19: seis capitais começaram a vacinar crianças de 3 a 5 anos

Repro­dução: © Tânia Rêgo/Agência Brasil

Crianças deverão ser vacinadas com doses da Coronavac


Pub­li­ca­do em 18/07/2022 — 16:29 Por Marce­lo Brandão — Repórter da Agên­cia Brasil — Brasília

Ouça a matéria:

Seis cap­i­tais ini­cia­ram hoje (18) a vaci­nação con­tra covid-19 em cri­anças de 3 a 5 anos de idade. São Luis (MA), Man­aus (AM), Sal­vador (BA), For­t­aleza (CE), Belém (PA) e Boa Vista (RR) já estão vaci­nan­do cri­anças con­forme a recomen­dação do Min­istério da Saúde e a autor­iza­ção da Agên­cia Nacional de Vig­ilân­cia San­itária (Anvisa), ambas divul­gadas na sem­ana pas­sa­da. A cidade do Rio de Janeiro foi a primeira a dar iní­cio à vaci­nação de parte deste grupo na últi­ma sex­ta-feira (15).

Até então, a imu­niza­ção con­tra covid-19 só podia ser fei­ta em cri­anças a par­tir de 5 anos. Cri­anças de 3 a 5 anos dev­erão ser imu­nizadas com a Coro­n­avac.

Na cap­i­tal ama­zo­nense, 37 pon­tos ofer­e­cem a vaci­na para as cri­anças. Na área rur­al, ribeir­in­ha e ter­restre, a imu­niza­ção segue o cal­endário de vis­i­tas dos Agentes Comu­nitários de Saúde (ACSs) e das Unidades Bási­cas de Saúde Flu­vial (UBSF) para cada local­i­dade.

“Esta­mos felizes em dar mais esse pas­so, amplian­do a faixa etária das cri­anças que podem ser vaci­nadas e pro­te­gi­das con­tra o coro­n­avírus”, disse o prefeito de Man­aus, David Almei­da.

Já em For­t­aleza, a vaci­nação infan­til está sendo real­iza­da nos shop­pings Cen­tral, Iguate­mi, RioMar For­t­aleza e RioMar Kennedy, Sesi Paranga­ba, dri­ve-thru do Cen­tro de Even­tos e pos­tos de saúde que têm sala de vaci­nação Covid-19. É impor­tante levar o doc­u­men­to de iden­ti­fi­cação da cri­ança, o número do Cartão Nacional de Saúde e tam­bém uma iden­ti­fi­cação com foto do acom­pan­hante da cri­ança.

Em Boa Vista, cri­anças de 3 a 5 anos anos podem se imu­nizar em 13 unidades bási­cas de saúde, de segun­da a sex­ta-feira, das 8h30 às 17h. Em Sal­vador, são 37 pos­tos de saúde espal­ha­dos por todas as regiões da cidade, fun­cio­nan­do de 8h às 16h.

O Rio de Janeiro ini­ciou na sem­ana pas­sa­da a vaci­nação de cri­anças a par­tir de 4 anos. A vaci­nação de cri­anças de 3 anos terá iní­cio na próx­i­ma quar­ta-feira (20).

Distrito Federal

O Dis­tri­to Fed­er­al ini­ciou na tarde de hoje a dis­tribuição de todo o estoque de Coro­n­avac para os mais de 70 pon­tos de vaci­nação infan­til, mas ain­da não con­fir­mou o iní­cio efe­ti­vo da imu­niza­ção para o novo públi­co alvo.

“No momen­to, a SES [Sec­re­taria Estad­ual de Saúde do DF] aguar­da a nota téc­ni­ca do gov­er­no fed­er­al com as instruções sobre a vaci­nação do novo grupo (dosagem; novos envios de lotes; pra­zos de reforço; entre out­ros)”, infor­mou a sec­re­taria à reportagem.

Edição: Lílian Beral­do

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Diabetes não controlado pode causar problemas cardiovasculares

Repro­dução: © Marce­lo Camargo/Agência Brasil Especialista recomenda que as pessoas façam check-ups periódicos Publicado em …