...
sábado ,15 junho 2024
Home / Esportes / Cria do Inter, campeão da Série D torce por título colorado

Cria do Inter, campeão da Série D torce por título colorado

50916191656_ec6350651f_o

© Célio Messias/CBF/Direitos Reser­va­dos (Repro­du­ção)

Netto iniciou temporada no time gaúcho e fez história no Mirassol-SP


Publi­ca­do em 08/02/2021 — 08:00 Por Lin­coln Cha­ves — Repór­ter da TV Bra­sil e da Rádio Naci­o­nal — São Pau­lo

Cam­peão bra­si­lei­ro da Série D pelo Miras­sol-SP e autor de um dos gols deci­si­vos para a con­quis­ta iné­di­ta. Pode a pri­mei­ra tem­po­ra­da da car­rei­ra pro­fis­si­o­nal de Net­to ter­mi­nar de for­ma ain­da mais per­fei­ta? Sim, e o ex-clu­be do ata­can­te de 22 anos pode aju­dar.

O Inter­na­ci­o­nal, que dis­pu­ta pon­to a pon­to o títu­lo da Série A com o Fla­men­go, reve­lou Net­to duran­te o últi­mo Cam­pe­o­na­to Gaú­cho. Em 30 de janei­ro do ano pas­sa­do, o joga­dor foi alça­do a cam­po pelo então téc­ni­co Edu­ar­do Cou­det na vitó­ria por 4 a 3 sobre o São Luiz-RS, em Ijuí (RS), no lugar do meia Thi­a­go Galhar­do aos 37 minu­tos da eta­pa final. Na roda­da seguin­te, ele ain­da subs­ti­tuiu o tam­bém ata­can­te Mar­cos Gui­lher­me, nos acrés­ci­mos do segun­do tem­po, no empa­te por 1 a 1 com o Ypi­ran­ga-RS, em Ere­chim (RS).

“Tenho mui­tas ami­za­des [no Inter] e um cari­nho imen­so pelo clu­be, que me subiu para o pro­fis­si­o­nal. Acre­di­to que pode ser cam­peão sim. Estou tor­cen­do e dese­jan­do boas ener­gi­as para que sejam cam­peões como a gen­te foi aqui no Miras­sol. E ain­da mais por ter fei­to par­te do elen­co no come­ço da tem­po­ra­da, pode ser que seja um meio [títu­lo] bra­si­lei­ro meu tam­bém [risos]”, diz Net­to, que che­gou ao sub-20 do Inter em 2018 e, no ano seguin­te, foi cam­peão naci­o­nal de aspi­ran­tes ves­tin­do a bra­ça­dei­ra de capi­tão.

Ape­sar da opor­tu­ni­da­de de atu­ar duran­te o Gau­chão, o ata­can­te não se fir­mou no Inter, com quem tinha con­tra­to até dezem­bro, e foi libe­ra­do para o Miras­sol em julho. Ele este­ve em cam­po na reta final do Cam­pe­o­na­to Pau­lis­ta, onde o Leão foi a gran­de sur­pre­sa ao che­gar à semi­fi­nal. Pas­sa­do o Esta­du­al, o joga­dor foi empres­ta­do ao CSA, mas, pou­co apro­vei­ta­do na Série B, retor­nou ao time do inte­ri­or de São Pau­lo, des­ta vez para ser titu­lar na cam­pa­nha do aces­so à Série C. Foi de Net­to o gol da vitó­ria por 1 a 0 no jogo de ida da final, con­tra o Flo­res­ta-CE, há uma sema­na, em For­ta­le­za. O pri­mei­ro ten­to como pro­fis­si­o­nal.

“[O gol trou­xe] uma sen­sa­ção de feli­ci­da­de e impor­tân­cia, pois con­se­gui­mos um bom resul­ta­do para o segun­do jogo. Gra­ças a Deus, fize­mos uma boa par­ti­da e fomos coro­a­dos com o títu­lo”, des­ta­ca o ata­can­te, fazen­do men­ção à vitó­ria por 1 a 0 no due­lo de vol­ta, em Miras­sol (SP), no últi­mo sába­do (6), trans­mi­ti­da ao vivo pela TV Bra­sil.

“Quan­do se tra­ta de Cam­pe­o­na­to Bra­si­lei­ro, inde­pen­den­te da série, é sem­pre bom ganhar. Foi um títu­lo difí­cil, envol­veu 64 equi­pes [a par­tir da pri­mei­ra fase]. Para mim e para o clu­be, fica mar­ca­do na his­tó­ria. O pri­mei­ro [títu­lo] a gen­te nun­ca esque­ce. Veio na hora cer­ta, com um gos­to mui­to bom”, com­ple­ta Net­to.

Após a con­quis­ta da Série D, o Miras­sol vol­ta a cam­po somen­te no pró­xi­mo dia 28 de feve­rei­ro, na estreia da edi­ção 2021 do Cam­pe­o­na­to Pau­lis­ta con­tra o São Ben­to no está­dio Wal­ter Ribei­ro, em Soro­ca­ba (SP). A Fede­ra­ção Pau­lis­ta de Fute­bol (FPF) ain­da con­fir­ma o horá­rio da par­ti­da.

Edi­ção: Fábio Lis­boa

 

Você pode Gostar de:

Brasil derrota Polônia na Liga das Nações Masculina de Vôlei

Repro­du­ção: © Mau­rí­cio Val/FV Imagens/CBV/Direitos Reser­va­dos Equipe comandada por Bernardinho triunfa por 3 sets a …