...
sexta-feira ,23 fevereiro 2024
Home / Educação / Edital vai apoiar cientistas negros e indígenas no pós-doutorado

Edital vai apoiar cientistas negros e indígenas no pós-doutorado

Repro­du­ção: © Mar­cel­lo Casal Jr/Agência Brasil/Arquivo

Objetivo é aumentar participação desses grupos na produção científica


Publi­ca­do em 25/11/2023 — 07:44 Por Ana Cris­ti­na Cam­pos — Repór­ter da Agên­cia Bra­sil — Rio de Janei­ro

ouvir:

O Ins­ti­tu­to Ser­ra­pi­lhei­ra lan­çou a segun­da edi­ção do edi­tal exclu­si­vo para cien­tis­tas negros e indí­ge­nas. O foco são pes­qui­sa­do­res que tenham pro­je­tos na área de eco­lo­gia e que dese­jam obter, a médio pra­zo, uma posi­ção for­mal como pro­fes­sor ou pes­qui­sa­dor. 

Segun­do o Ins­ti­tu­to, o obje­ti­vo é aumen­tar a par­ti­ci­pa­ção des­ses gru­pos sub-repre­sen­ta­dos na car­rei­ra cien­tí­fi­ca.

Podem par­ti­ci­par pes­qui­sa­do­res que tenham con­cluí­do o dou­to­ra­do entre janei­ro de 2013 e junho de 2024, pra­zo que se esten­de em até dois anos no caso de mulhe­res com filhos. Os inte­res­sa­dos não devem ter vín­cu­lo for­mal com nenhu­ma ins­ti­tui­ção de ciên­cia e tec­no­lo­gia no momen­to da assi­na­tu­ra do con­tra­to.

Serão sele­ci­o­na­dos até 12 can­di­da­tos. Os apro­va­dos vão fazer pós-dou­to­ra­do em gru­pos de pes­qui­sa nos quais não tenham se for­ma­do nem atu­a­do antes, nos esta­dos das fun­da­ções par­cei­ras do edi­tal: Mato Gros­so do Sul (Fun­dect), Pará (Fapes­pa) e Rio de Janei­ro (Faperj).

Além de bol­sa men­sal de R$ 8 mil, os sele­ci­o­na­dos vão rece­ber entre R$ 550 mil e R$ 700 mil para o finan­ci­a­men­to da pes­qui­sa duran­te três anos, reno­vá­veis por mais dois anos. O paga­men­to das bol­sas virá das fun­da­ções. Já o auxí­lio à pes­qui­sa será cus­te­a­do por essas enti­da­des em par­ce­ria com o Ser­ra­pi­lhei­ra.

“Em nos­sa pri­mei­ra cha­ma­da exclu­si­va para gru­pos sub-repre­sen­ta­dos na ciên­cia, lan­ça­da em par­ce­ria com a Faperj, sele­ci­o­na­mos 12 cien­tis­tas negros e indí­ge­nas de exce­lên­cia, e outros tan­tos fica­ram de fora. Fica­mos feli­zes em repe­tir a expe­ri­ên­cia, ago­ra com mais FAPs par­cei­ras e incor­po­ran­do nos­so apren­di­za­do ao lon­go do pro­ces­so”, dis­se, em nota, Cris­ti­na Cal­das, dire­to­ra de Ciên­cia do Ins­ti­tu­to Ser­ra­pi­lhei­ra. “Se não mudar­mos a for­ma de sele­ção, cien­tis­tas negros e indí­ge­nas de exce­lên­cia segui­rão sen­do excluí­dos do fazer cien­tí­fi­co, e todos os can­di­da­tos con­ti­nu­a­rão pare­ci­dos.”

As ins­cri­ções vão de 4 de janei­ro a 25 de janei­ro de 2024. O Ins­ti­tu­to Ser­ra­pi­lhei­ra é uma ins­ti­tui­ção pri­va­da, sem fins lucra­ti­vos, que pro­mo­ve a ciên­cia no Bra­sil.

Cientistas com vínculo

Além do edi­tal para cien­tis­tas negros e indí­ge­nas, o Ser­ra­pi­lhei­ra lan­çou hoje outra cha­ma­da vol­ta­da a cien­tis­tas com vín­cu­lo per­ma­nen­te em ins­ti­tui­ções de ensi­no e pes­qui­sa e com pro­je­tos nas áre­as de ciên­ci­as natu­rais, mate­má­ti­ca e ciên­cia da com­pu­ta­ção.

Ao todo, serão sele­ci­o­na­dos até 42 pes­qui­sa­do­res nos dois edi­tais, que ocor­rem em par­ce­ria com FAPs (fun­da­ções de ampa­ro à pes­qui­sa) de dife­ren­tes esta­dos.

Jun­tas, as ini­ci­a­ti­vas pre­ve­em inves­ti­men­to de no míni­mo R$ 21 milhões, entre paga­men­to de bol­sas e finan­ci­a­men­to de pes­qui­sas. O valor total, que deve cres­cer, depen­de­rá da quan­ti­da­de de recur­sos que cada FAP dis­po­ni­bi­li­za­rá – o que, por sua vez, só será defi­ni­do depois que a sele­ção dos can­di­da­tos esti­ver con­cluí­da e os esta­dos dos esco­lhi­dos forem conhe­ci­dos.

O obje­ti­vo dos dois edi­tais é cri­ar con­di­ções para jovens cien­tis­tas do Bra­sil desen­vol­ve­rem suas pes­qui­sas com recur­sos finan­cei­ros e auto­no­mia na esco­lha dos pro­je­tos.

Os edi­tais com­ple­tos podem ser aces­sa­dos no site do Ser­ra­pi­lhei­ra.

Edi­ção: Sabri­na Crai­de

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Prefeitura do Rio proíbe uso de celulares em sala de aula e no recreio

Repro­du­ção: © Rove­na Rosa/Agência Bra­sil Decreto foi assinado nesta sexta-feira Publi­ca­do em 02/02/2024 — 10:24 …