...
sábado ,25 maio 2024
Home / Educação / Enem: veja o que é obrigatório e o que é proibido no dia do exame

Enem: veja o que é obrigatório e o que é proibido no dia do exame

Repro­du­ção: © Arte/Agência Bra­sil

Provas começam a ser aplicadas neste domingo (5)


Publi­ca­do em 04/11/2023 — 08:02 Por Sabri­na Crai­de — Repór­ter da Agên­cia Bra­sil — Bra­sí­lia

ouvir:

As pri­mei­ras pro­vas do Exa­me Naci­o­nal do Ensi­no Médio (Enem) serão rea­li­za­das nes­te domin­go (5), em todo o país. Além de estar com os estu­dos em dia, os can­di­da­tos devem pres­tar aten­ção às exi­gên­ci­as e às proi­bi­ções esta­be­le­ci­das pelo edi­tal para não cor­rer o ris­co de ser eli­mi­na­do no dia da pro­va.

É obri­ga­tó­rio levar cane­ta esfe­ro­grá­fi­ca de tin­ta pre­ta, fabri­ca­da em mate­ri­al trans­pa­ren­te, e docu­men­to de iden­ti­fi­ca­ção váli­do, físi­co ou digi­tal. Tam­bém é acon­se­lhá­vel levar o car­tão de con­fir­ma­ção de ins­cri­ção. Se o can­di­da­to pre­ci­sar jus­ti­fi­car sua pre­sen­ça no exa­me, ele deve levar impres­sa a decla­ra­ção de com­pa­re­ci­men­to, que será assi­na­da pelo apli­ca­dor do exa­me. A decla­ra­ção está dis­po­ní­vel na Pági­na do Par­ti­ci­pan­te.

Entre os docu­men­tos de iden­ti­fi­ca­ção váli­dos estão cédu­las de Iden­ti­da­de, iden­ti­da­de expe­di­da pelo Minis­té­rio da Jus­ti­ça para estran­gei­ros, Car­tei­ra de Regis­tro Naci­o­nal Migra­tó­rio, docu­men­to pro­vi­só­rio de Regis­tro Naci­o­nal Migra­tó­rio, iden­ti­fi­ca­ção for­ne­ci­da por ordens ou con­se­lhos de clas­ses que, por lei, tenham vali­da­de como docu­men­to de iden­ti­da­de, pas­sa­por­te e Car­tei­ra Naci­o­nal de Habi­li­ta­ção, Car­tei­ra de Tra­ba­lho e Pre­vi­dên­cia Soci­al emi­ti­da após 27 de janei­ro de 1997.

Tam­bém são acei­tos os docu­men­tos digi­tais e‑Título, Car­tei­ra Naci­o­nal de Habi­li­ta­ção Digi­tal e RG Digi­tal, des­de que apre­sen­ta­dos nos res­pec­ti­vos apli­ca­ti­vos ofi­ci­ais. Cap­tu­ras de telas não serão acei­tas.

O Enem 2023 será apli­ca­do nos dias 5 e 12 de novem­bro. No pri­mei­ro dia de pro­va, os par­ti­ci­pan­tes fazem as ques­tões de lin­gua­gens e códi­gos, ciên­ci­as huma­nas e reda­ção. No segun­do dia, as pro­vas são de ciên­ci­as da natu­re­za e mate­má­ti­ca.

Nos dois dias, a aber­tu­ra dos por­tões será às 12h e o fecha­men­to, às 13h, pelo horá­rio de Bra­sí­lia. É proi­bi­da a entra­da do par­ti­ci­pan­te após o fecha­men­to dos por­tões. O iní­cio da pro­va está mar­ca­do para as 13h30 nos dois dias de pro­va, mas o horá­rio de encer­ra­men­to é dife­ren­te: no dia 5 de novem­bro, as pro­vas ter­mi­nam às 19h e no dia 12 de novem­bro, às 18h30.

As notas das pro­vas podem ser usa­das para con­cor­rer a vagas no ensi­no supe­ri­or públi­co, pelo Sis­te­ma de Sele­ção Uni­fi­ca­da (Sisu), a bol­sas de estu­do em ins­ti­tui­ções pri­va­das de ensi­no supe­ri­or pelo Pro­gra­ma Uni­ver­si­da­de para Todos (ProU­ni) e a finan­ci­a­men­tos do Fun­do de Finan­ci­a­men­to Estu­dan­til (Fies).

arte enem 2023 o que levar

O que não levar

Segun­do esta­be­le­ci­do no edi­tal do Enem, alguns obje­tos não podem per­ma­ne­cer com os can­di­da­tos duran­te a pro­va. Ao ingres­sar na sala de pro­vas, o can­di­da­to deve­rá guar­dar no enve­lo­pe por­ta-obje­tos todos os seus per­ten­ces como ócu­los escu­ros, cha­péu, cane­ta de mate­ri­al não trans­pa­ren­te, lápis, lapi­sei­ra, bor­ra­chas, réguas, cor­re­ti­vos, livros, cha­ves e qual­quer equi­pa­men­to ele­trô­ni­co (que deve­rá estar des­li­ga­do). Quem não seguir essa regra tam­bém pode ser eli­mi­na­do da pro­va. Se o apa­re­lho ele­trô­ni­co, ain­da que den­tro do enve­lo­pe por­ta-obje­tos, emi­tir qual­quer tipo de som, como toque ou alar­me, o par­ti­ci­pan­te será eli­mi­na­do.

No dia da pro­va, os can­di­da­tos serão sub­me­ti­dos à revis­ta ele­trô­ni­ca, e os obje­tos e lan­ches tam­bém serão vis­to­ri­a­dos. A recu­sa sem jus­ti­fi­ca­ti­va des­sas vis­to­ri­as pode ser moti­vo de eli­mi­na­ção. Tam­bém é pre­ci­so pres­tar aten­ção aos docu­men­tos exi­gi­dos, pois a per­ma­nên­cia no local de pro­va sem docu­men­to de iden­ti­fi­ca­ção váli­do pode eli­mi­nar o can­di­da­to.

Será eli­mi­na­do do Enem o par­ti­ci­pan­te que se comu­ni­car de qual­quer for­ma com qual­quer pes­soa que não seja o apli­ca­dor da pro­va ou uti­li­zar livros, notas, papéis ou impres­sos duran­te a apli­ca­ção do exa­me. Tam­bém não pode regis­trar ou divul­gar, por ima­gem ou som, a rea­li­za­ção da pro­va ou qual­quer mate­ri­al uti­li­za­do no exa­me.

Sair da sala de pro­vas a par­tir das 13h sem o acom­pa­nha­men­to de um fis­cal ou ir embo­ra do local antes de ter pas­sa­do duas horas do iní­cio das pro­vas tam­bém podem eli­mi­nar o can­di­da­to. Isso tam­bém vale para quem ini­ci­ar as pro­vas antes das 13h30 ou da auto­ri­za­ção do apli­ca­dor.

Edi­ção: Juli­a­na Andra­de

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Pé-de-Meia: estudantes nascidos em março e abril recebem hoje R$ 200

Repro­du­ção: © Arquivo/Agência Bra­sil Primeira parcela do incentivo refere-se à matrícula no ensino médio Publicado …