...
sexta-feira ,23 fevereiro 2024
Home / Cultura / Festival de cultura indígena movimenta Brasília em dezembro

Festival de cultura indígena movimenta Brasília em dezembro

Repro­du­ção: © Foto: Ake­mi Nitahara/Agência Bra­sil

Evento nos dias 13 e 14 terá shows, exposição de artes e artesanato


Publi­ca­do em 05/12/2023 — 07:28 Por Agên­cia Bra­sil — Bra­sí­lia

ouvir:

A capi­tal do país rece­be­rá a pri­mei­ra edi­ção do Fes­ti­val Bra­sil É Ter­ra Indí­ge­na, nos pró­xi­mos dias 13 e 14 de dezem­bro, em um com­ple­xo cul­tu­ral que será mon­ta­do na espla­na­da do Museu Naci­o­nal da Repú­bli­ca, região cen­tral de Bra­sí­lia. Gra­tui­to, o even­to reu­ni­rá talen­tos da músi­ca e das artes plás­ti­cas, com des­ta­que para artis­tas indí­ge­nas, além da expo­si­ção de arte­sa­na­to e deba­tes sobre eco­no­mia cri­a­ti­va, bio­e­co­no­mia e inter­câm­bi­os cul­tu­rais diver­sos, incluin­do moda e gas­tro­no­mia.

A pro­gra­ma­ção musi­cal com­ple­ta de artis­tas indí­ge­nas con­ta com Dju­e­na Tiku­na, Kaê Gua­ja­ja­ra, Siba Puri, DJ Rapha Ana­cé, Tai­na­ra Takua, Gean Pan­ka­ra­ru, Heloi­sa Araú­jo Tukue, Bri­sa Flow, DJ Eric Tere­na, MC Ana­ran­dá, Katú Mirim, Edvan Fulni‑ô, Sura­ras do Tapa­jós, LaMan­xi, Brô MC’s e Gran­dão Vaquei­ro. Outros artis­tas con­sa­gra­dos da cena musi­cal bra­si­lei­ra, como Leni­ne, Gaby Ama­ran­tos e Feli­pe Cor­dei­ro par­ti­ci­pam como con­vi­da­dos dos músi­cos indí­ge­nas. Os Bro Mc’s con­vi­dam o rap­per Xamã ao pal­co. Gaby Ama­ran­tos e Feli­pe Cor­dei­ro são os con­vi­da­dos do show das Sura­ras do Tapa­jós. Gean Pan­ka­ra­ru leva para a sua apre­sen­ta­ção o can­tor Leni­ne. Já Mari­e­ne de Cas­tro par­ti­ci­pa do show da can­to­ra Dju­e­na Tiku­na.

Além da pro­gra­ma­ção de shows, o Bra­sil é Ter­ra Indí­ge­na tem expo­si­ções de arte e deba­tes sobre rique­za cul­tu­ral e bio­e­co­no­mia. O fes­ti­val tem patro­cí­nio do Ins­ti­tu­to Cul­tu­ral Vale, arti­cu­la­ção do Cen­tro Cul­tu­ral Vale Mara­nhão (CCVM) e apoio dos minis­té­ri­os da Cul­tu­ra e  dos Povos Indí­ge­nas.

Cri­a­do como ato polí­ti­co e cul­tu­ral, o pro­je­to é uma ação que une o con­tem­po­râ­neo e o tra­di­ci­o­nal como for­ma de ele­var e dina­mi­zar a pro­du­ção cul­tu­ral indí­ge­na e a auto-sus­ten­ta­ção dos povos ori­gi­ná­ri­os bra­si­lei­ros. “Nos­sa mis­são com o Fes­ti­val Bra­sí­lia é Ter­ra Indí­ge­na é ofe­re­cer, espa­ço, estru­tu­ra e visi­bi­li­da­de a artis­tas indí­ge­nas dos nos­sos seis bio­mas. Nos­sa fes­ta car­re­ga con­si­go a luta por direi­tos, por isso a impor­tân­cia de ter jun­to de nós artis­tas que são ali­a­dos da nos­sa cau­sa”, defi­ne Pris­ci­la Tapa­jowa­ra, coor­de­na­do­ra do even­to. “Temos mui­tos artis­tas indí­ge­nas pro­du­zin­do músi­ca de qua­li­da­de altís­si­ma, mas ain­da sem visi­bi­li­da­de. É jus­ta­men­te esse cená­rio que que­re­mos mudar”, acres­cen­ta.

Feira de Arte

O fes­ti­val con­ta­rá com a Fei­ra de Arte dos Povos Indí­ge­nas, aber­ta nos dois dias de fes­ti­val, das 9h às 20h. Cer­ca de 80 artis­tas indí­ge­nas foram con­vi­da­dos, pro­ce­den­tes de todos os seis bio­mas bra­si­lei­ros. Entre as etni­as pre­sen­tes esta­rão os povos Yano­ma­mi, Macu­xi, Tere­na, Baré, Asha­nin­ka, Kadiwéu, Gua­ra­ni, Gua­ja­ja­ra, Tre­mem­bé, Wau­ja e Mehi­na­ku.

O Espa­ço Tec­no­lo­gia e Ances­tra­li­da­de será o local de deba­tes e rodas de con­ver­sa, infor­mou a orga­ni­za­ção. Uma das ati­vi­da­des pre­vis­tas é o talk show Comu­ni­ca­ção Indí­ge­na e Suas Nar­ra­ti­vas, que con­ta­rá com a par­ti­ci­pa­ção de asso­ci­a­ções como Mídia Indí­ge­na, Arti­cu­la­ção dos Povos Indí­ge­nas do Bra­sil (Apib), Coor­de­na­ção de Orga­ni­za­ções Indí­ge­nas da Amazô­nia Bra­si­lei­ra (Coi­ab), Gran­de Assem­bleia dos Povos Gua­ra­ni e Kai­owá (ATy Gua­su), Arti­cu­la­ção dos Povos e Orga­ni­za­ções Indí­ge­nas do Nor­des­te, Minas Gerais e Espí­ri­to San­to (Apoin­me), Arti­cu­la­ção dos Povos Indí­ge­nas da Região Sul (Arpin­sul), Arti­cu­la­ção dos Povos Indí­ge­nas da Região Sudes­te (Arpin­su­des­te), Comis­são Gua­ra­ni Yvy­ru­pa e o Con­se­lho do Povo Tere­na.

Edi­ção: Gra­ça Adju­to

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Nenhuma aposta acerta a Mega-Sena e prêmio vai a R$ 97 milhões

Repro­du­ção: © Rafa Neddermeyer/Agência Bra­sil Veja os números sorteados: 09 – 28 – 33 – …