...
quinta-feira ,20 junho 2024
Home / Saúde / Governo agiliza processo de aquisição de vacinas da Índia e Rússia

Governo agiliza processo de aquisição de vacinas da Índia e Rússia

Vacinação drive-thru contra a covid-19 no Parque da Cidade, em Brasília.
© Mar­ce­lo Camargo/Agência Bra­sil (Repro­du­ção)

Compra ainda dependerá de aprovação da Anvisa


Publi­ca­do em 21/02/2021 — 08:47 Por Agên­cia Bra­sil — Bra­sí­lia

O Minis­té­rio da Saú­de dis­pen­sou o uso de lici­ta­ção para com­pra das vaci­nas Cova­xin, da Índia, e Sput­nik V, da Rús­sia. O obje­ti­vo é dar mais agi­li­da­de ao pro­ces­so de aqui­si­ção des­ses imu­ni­zan­tes.

A com­pra ain­da depen­de da apro­va­ção para uso emer­gen­ci­al da Agên­cia Naci­o­nal de Vigi­lân­cia Sani­tá­ria (Anvi­sa).

No total, serão dis­po­ni­bi­li­za­das para a popu­la­ção 10 milhões de doses da Sput­nik V e 20 milhões da Cova­xin.

As entre­gas devem come­çar em mar­ço e deve­rão seguir o seguin­te cro­no­gra­ma:

Sputt­nik V

Mar­ço: 400 mil

Abril: 2 milhões

Maio: 7,6 milhões

Total: 10 milhões de doses

Cova­xin

Mar­ço: 8 milhões

Abril: 8 milhões

Maio: 4 milhões

Total: 20 milhões de doses.

O inves­ti­men­to pre­vis­to é de R$ 639,6 milhões na vaci­na rus­sa e R$ 1,614 bilhão na vaci­na da Índia.

Edi­ção: Clau­dia Felc­zak

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

UTIs vão reforçar hospitais de campanha no Rio Grande do Sul

Repro­du­ção: © Rafa Neddermeyer/Agência Bra­sil Unidades vão receber cinco leitos nos próximos dias Publicado em …