...
quinta-feira ,25 julho 2024
Home / Economia / Governo federal arrecada R$ 3,3 bilhões com leilão de 22 aeroportos

Governo federal arrecada R$ 3,3 bilhões com leilão de 22 aeroportos

6ª rodada de concessões aeroportuárias, com a participação do ministro, @tarcisiogdf . Os leilões dos 22 aeroporto arrecadaram mais de R$ 3 bilhões em outorgas
Repro­dução: © Min­istério da Infraestru­tu­ra

Terminais devem receber R$ 6,1 bilhões em investimentos


Pub­li­ca­do em 07/04/2021 — 12:00 Por Daniel Mel­lo — Repórter da Agên­cia Brasil — São Paulo

Em leilão real­iza­do hoje (7) na B3 (Bol­sa de Val­ores de São Paulo), foram con­ce­di­dos 22 aero­por­tos em 12 esta­dos, arrecadan­do-se R$ 3,3 bil­hões em out­or­gas. A con­cor­rên­cia foi fei­ta pela Agên­cia Nacional de Avi­ação Civ­il (Anac) em três blo­cos: Norte, Sul e Cen­tral.

A Com­pan­hia de Par­tic­i­pações em Con­cessões, parte do grupo CCR, arrema­tou o blo­co Sul, por R$ 2,1 bil­hões, e o lote Cen­tral, por R$ 754 mil­hões. Os lances rep­re­sen­tam, respec­ti­va­mente, ágio de 1.534% e 9.156% em relação aos lances mín­i­mos. A Vin­ci Air­ports ficou com o blo­co Norte, pagan­do R$ 420 mil­hões, um ágio de 777% sobre o preço mín­i­mo estip­u­la­do.

Os blocos

Estão no blo­co Norte os aero­por­tos de Man­aus (AM), Por­to Vel­ho (RO), Rio Bran­co (AC), Cruzeiro do Sul (AC), Tabatin­ga (AM), Tefé (AM) e Boa Vista (RR). O lance mín­i­mo havia sido estip­u­la­do em 47,9 mil­hões.

No blo­co Sul foram con­ce­di­dos os ter­mi­nais de Curiti­ba (PR), Foz do Iguaçu (PR), Nave­g­antes (SC), Lon­d­ri­na (PR), Joinville (SC), Bacacheri (PR), Pelotas (RS), Urugua­iana (RS) e Bagé (RS). O val­or mín­i­mo para esse lote era de R$ 130,2 bil­hões.

O blo­co Cen­tral é com­pos­to pelos aero­por­tos de Goiâ­nia (GO), São Luís (MA), Teresina (PI), Pal­mas (TO), Petroli­na (PE) e Imper­a­triz (MA). O lance mín­i­mo era de R$ 8,1 mil­hões.

O Min­istério da Infraestru­tu­ra espera que os ter­mi­nais, por onde cir­cu­lam cer­ca de 24 mil­hões de pas­sageiros por ano, rece­bam aprox­i­mada­mente R$ 6,1 bil­hões em inves­ti­men­tos. Devem, segun­do o min­istério, ser investi­dos R$ 2,85 bil­hões no blo­co Sul, R$ 1,8 bil­hão no Cen­tral e R$ 1,4 bil­hão no Norte. Os con­tratos de con­cessão tem val­i­dade de 30 anos.

 

Edição: Kle­ber Sam­paio

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Cimi registra ataques a povos indígenas em três estados

Repro­dução: © Eloy Terena/Instagram Indigenistas dizem que são ações em contextos similares Publicado em 20/07/2024 …