...
quinta-feira ,25 julho 2024
Home / Saúde / Hemorio alerta para queda no estoque de sangue neste fim de ano

Hemorio alerta para queda no estoque de sangue neste fim de ano

Repro­dução: © Fer­nan­do Frazão

Campanha contra a gripe vacinará doadores que forem ao hemocentro


Pub­li­ca­do em 29/12/2021 — 09:12 Por Cristi­na Indio do Brasil – Repórter da Agên­cia Brasil — Rio de Janeiro

A que­da no número de doações de sangue na últi­ma sem­ana de 2021 acen­deu o sinal de aler­ta ver­mel­ho do Insti­tu­to Estad­ual de Hema­tolo­gia (Hemorio). De acor­do com o hemo­cen­tro, o número de bol­sas cole­tadas no perío­do caiu 10% na com­para­ção com o ano pas­sa­do, quan­do o Esta­do pas­sa­va pelo auge da pan­demia de covid-19.

O Hemorio apon­ta a pan­demia, a epi­demia de gripe e as fortes chu­vas, como os prin­ci­pais motivos para ter cole­ta­do 250 bol­sas de sangue a menos neste mês em com­para­ção com o mes­mo perío­do de 2020, e aler­ta que se os esto­ques não aumentarem, os atendi­men­tos nas grandes emergên­cias do Rio de Janeiro neste fim de ano podem ficar com­pro­meti­dos.

Vacinação contra a gripe

Para incen­ti­var as doações e con­ter o avanço da sín­drome gri­pal na cidade, o Hemorio ampliou a vaci­nação con­tra o vírus da Influen­za. A imu­niza­ção começa hoje (29) e segue até durarem os esto­ques das dos­es. O obje­ti­vo é que a pes­soa inter­es­sa­da em faz­er a doação de sangue pos­sa tam­bém se vaci­nar na unidade.

“Essa ini­cia­ti­va tem o obje­ti­vo de atrair a pop­u­lação que ain­da não se vaci­nou con­tra a gripe para faz­er sua doação de sangue e ser imu­niza­do em segui­da”, disse o dire­tor-ger­al do insti­tu­to, Luiz Amor­im.

O atendi­men­to no Hemorio, que fica na Rua Frei Caneca, no cen­tro da cap­i­tal flu­mi­nense, segue em horário nor­mal, com fun­ciona­men­to de segun­da a domin­go, incluin­do feri­ados, das 7h às 18h.

“Para doar sangue, é pre­ciso ter entre 16 e 69 anos, pesar no mín­i­mo 50kg, estar bem de saúde e por­tar um doc­u­men­to de iden­ti­dade ofi­cial com foto. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autor­iza­ção dos pais ou respon­sáveis legais. Devem por­tar ain­da um doc­u­men­to de iden­ti­dade do respon­sáv­el”, ori­en­tou o hemo­cen­tro, acres­cen­tan­do que não é necessário estar em jejum, ape­nas evi­tar ali­men­tos gor­durosos nas qua­tro horas que ante­ce­dem a doação e não ingerir bebidas alcoóli­cas 12 horas antes.

O insti­tu­to aler­ta ain­da que os vol­un­tários “não podem ter tido hepatite após os 10 anos, nem estar expos­tos a doenças trans­mis­síveis pelo sangue (sífil­is, Aids, hepatite e doença de Cha­gas)”. As mul­heres grávi­das ou ama­men­tan­do e usuários de dro­gas tam­bém não podem faz­er a doação de sangue. Os infec­ta­dos pela covid-19 só podem doar após 30 dias do fim dos sin­tomas. Quem já rece­beu a vaci­na pode doar após sete dias ou 48h em caso da Coro­n­aVac.

Mais infor­mações estão disponíveis no site do Hemorio na inter­net ou lig­ar para o Disque Sangue de segun­da a sex­ta-feira, exce­to feri­ados, das 7h às 17h, pelo número 0800 282 0708.

Edição: Denise Griesinger

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Inscrição para 1ª etapa do Revalida termina nesta sexta-feira

Repro­dução: © Marce­lo Camargo/Agência Brasil Provas estão previstas para dia 25 de agosto Publicado em …