...
quarta-feira ,17 abril 2024
Home / Cultura / Movimento hip hop busca reconhecimento como patrimônio imaterial

Movimento hip hop busca reconhecimento como patrimônio imaterial

Repro­du­ção: © José Cruz/Agência Bra­sil

Movimento se reuniu em Brasília e entregou dossiê ao Iphan


Publi­ca­do em 17/07/2023 — 21:55 Por Agên­cia Bra­sil* — Bra­sí­lia

ouvir:

A comu­ni­da­de do hip hop se reu­niu em Bra­sí­lia para uma mar­cha de reco­nhe­ci­men­to do movi­men­to. A mar­cha reu­niu repre­sen­tan­tes do hip hop de vári­os esta­dos do Bra­sil, que vie­ram entre­gar ao Ins­ti­tu­to do Patrimô­nio His­tó­ri­co e Artís­ti­co Naci­o­nal (Iphan) o dos­siê que vai dar iní­cio ao pro­ces­so para decla­rar o movi­men­to patrimô­nio ima­te­ri­al do país.
Esse docu­men­to foi pre­pa­ra­do por gru­pos de tra­ba­lho den­tro do movi­men­to do hip hop no Bra­sil intei­ro, com auxí­lio do ins­ti­tu­to. “Este ano nós com­ple­ta­mos 50 anos do hip hop no mun­do. E, no Bra­sil, com­ple­ta­mos 40 anos de hip hop”, dis­se Cláu­dia Maci­el, jor­na­lis­ta e inte­gran­te do movi­men­to.

Brasília/DF, 17/07/2023, O movimento Hip Hop brasileiro, durante marcha da Cultura Hip Hop em celebração ao Cinquentenário mundial da Cultura Hip Hop. Foto: José Cruz/Agência Brasil
Repro­du­ção: Brasília/DF, 17/07/2023, O movi­men­to Hip Hop bra­si­lei­ro duran­te mar­cha da Cul­tu­ra Hip Hop em cele­bra­ção ao Cin­quen­te­ná­rio mun­di­al da Cul­tu­ra Hip Hop. Foto: José Cruz/Agência Bra­sil

“É a hora da gen­te ir em bus­ca do títu­lo de patrimô­nio cul­tu­ral ima­te­ri­al bra­si­lei­ro. Cada esta­do se reu­niu e cons­truiu gru­pos de tra­ba­lho”, acres­cen­tou. Segun­do ela, o Iphan aju­dou os gru­pos de tra­ba­lho na mon­ta­gem da pro­pos­ta a ser apre­sen­ta­da.

A pro­du­to­ra cul­tu­ral Lidi­a­ne Lima des­ta­cou a fun­ção soci­al de um esti­lo musi­cal que se trans­for­mou e se tor­nou um indu­tor de polí­ti­cas públi­cas. “O hip hop, tra­ba­lha mui­to pela soci­e­da­de bra­si­lei­ra. Aon­de o gover­no não con­se­gue che­gar o hip hop está lá, levan­do tam­bém polí­ti­cas públi­cas, espe­ran­ça, trans­for­ma­ção. Então, se a soci­e­da­de bra­si­lei­ra e o gover­no reco­nhe­cem o hip hop, sig­ni­fi­ca que o nos­so tra­ba­lho valeu a pena”.

Brasília/DF, 17/07/2023, O movimento Hip Hop brasileiro, entrega documento histórico que pede o reconhecimento de patrimônio imaterial do Hip Hop brasileiro, ao presidente do Iphan, Leandro Grass. Foto: José Cruz/Agência Brasil
Repro­du­ção: Brasília/DF, 17/07/2023, O movi­men­to entre­ga docu­men­to que pede o reco­nhe­ci­men­to de patrimô­nio ima­te­ri­al do Hip Hop bra­si­lei­ro ao pre­si­den­te do Iphan, Lean­dro Grass. Foto — José Cruz/Agência Bra­sil

O pre­si­den­te do Iphan, Lean­dro Grass, para­be­ni­zou a mobi­li­za­ção de todos os envol­vi­dos com o movi­men­to que, tam­bém para ele, repre­sen­ta um esti­lo musi­cal que se expan­diu e se expres­sa em outros aspec­tos da soci­e­da­de, não ape­nas o musi­cal.

“[É] uma sín­te­se sin­cre­tis­mo cul­tu­ral de vári­as pers­pec­ti­vas, de vári­as influên­ci­as que sin­te­ti­zam jus­ta­men­te este mode­lo de expres­são, que não é só musi­cal. É tam­bém em outras ver­ten­tes”, dis­se.

“Ago­ra tem iní­cio o pro­ces­so de reco­nhe­ci­men­to for­mal ins­ti­tu­ci­o­nal da cul­tu­ra do hip hop como patrimô­nio ima­te­ri­al bra­si­lei­ro. Esse pro­ces­so vai levar um tem­po para que a gen­te pos­sa con­so­li­dar todos esses prin­cí­pi­os da cul­tu­ra hip hop”, com­ple­tou.

* cola­bo­rou Bru­na Sani­e­le, Repór­ter da TV Bra­sil

Edi­ção: Mar­ce­lo Bran­dão

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Brasília (DF) 26-03-2024 Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, falando sobre a decisão da CCJ durante coletiva. Foto Lula Marques/ Agência Brasil

Lira critica Padilha; ministro reage com vídeo de Lula

Repro­du­ção: © Lula Marques/ Agên­cia Bra­sil Deputado fez declaração ao ser questionado sobre prisão de …