...
quarta-feira ,24 julho 2024
Home / Noticias / Municípios baianos estão em alerta após rompimento de barragem

Municípios baianos estão em alerta após rompimento de barragem

Repro­dução: pmvc.ba.gov.br

Itambé e Vitória da Conquista monitoram o volume de água


Pub­li­ca­do em 26/12/2021 — 12:19 Por Andreia Verdélio – Repórter da Agên­cia Brasil — Brasília

Os municí­pios baianos de Ita­m­bé e Vitória da Con­quista estão em aler­ta após o rompi­men­to de uma bar­ragem no dis­tri­to de Iguá, na noite de ontem (25). De acor­do com a prefeitu­ra de Vitória da Con­quista, onde o dis­tri­to está local­iza­do, os moradores já havi­am sido avisa­dos sobre o risco imi­nente e não hou­ve feri­dos nem foram con­stata­dos maiores pre­juí­zos nas local­i­dades próx­i­mas. 

O mon­i­tora­men­to do vol­ume de água está sendo feito, prin­ci­pal­mente na BR-116, na altura do Vale dos Quatis. As autori­dades esper­am que não seja necessário inter­di­tar a estra­da. Par­tic­i­pam da força-tare­fa, a Defe­sa Civ­il e os téc­ni­cos da prefeitu­ra, além da Polí­cia Rodoviária Fed­er­al e de equipes da Via Bahia.

Enxurrada

Na man­hã de sába­do (25), a bar­ragem de Iguá rece­beu um grande vol­ume de água do rompi­men­to da bar­ragem dos Quatis, local­iza­da no dis­tri­to do Pra­doso. A enx­ur­ra­da acabou levan­do a ponte que liga o povoa­do do Tesoureiro à Vitória da Con­quista. A prefeitu­ra usou máquinas para ten­tar escoar a água e cer­ca de 100 famílias que resi­dem  em Iguá chegaram a ficar ilhadas.

Com o rompi­men­to de mais uma bar­ragem, a prefeitu­ra de Ita­m­bé tam­bém inten­si­fi­cou os aler­tas à pop­u­lação. Os rios que pas­sam pelo municí­pio devem rece­ber todo o vol­ume de água da bar­ragem de Iguá. O Rio Ver­ru­ga já trans­bor­dou e famílias estão desabri­gadas no municí­pio.

Ações de socorro

A região do sul da Bahia vem sofren­do com as fortes chu­vas do últi­mo mês. Ao menos 19 cidades estão sendo atingi­das e 66 con­tin­u­am em esta­do de emergên­cia.

Ontem, o gov­er­nador do esta­do, Rui Cos­ta, deter­mi­nou a insta­lação de uma base de apoio em Ilhéus e, hoje (26), deve sobrevoar as áreas mais atingi­das na região. O gov­er­no fed­er­al tam­bém está envolvi­do nas ações de socor­ro, por meio da Sec­re­taria Nacional de Defe­sa Civ­il e out­ros órgãos, e vai enviar com­bustív­el, aeron­aves e agentes para apoiar a oper­ação.

O min­istro da Cidada­nia, João Roma, está no esta­do e se reunirá com autori­dades locais. “Come­cei a agen­da deste domin­go em Nazaré das Far­in­has, acom­pan­han­do os estra­gos das fortes chu­vas que têm atingi­do a nos­sa Bahia e afligi­do o nos­so povo. Esse é um momen­to em que nós deve­mos dar as mãos e tra­bal­har em bene­fí­cio da pop­u­lação que está pre­cisan­do do nos­so apoio”, escreveu, em pub­li­cação no Twit­ter.

Até a tarde de sex­ta-feira (24), a Super­in­tendên­cia de Pro­teção e Defe­sa Civ­il do Esta­do e as prefeituras dos municí­pios atingi­dos reg­is­traram 4.185 desabri­ga­dos e 11.260 desa­lo­ja­dos pelas inun­dações. O número de feri­dos é de 286 e a pop­u­lação total atingi­da chega a 378.286. O total de mor­tos pelas enchentes é de 17 pes­soas.

Mais chuvas

Para este domin­go, o Insti­tu­to Nacional de Mete­o­rolo­gia (Inmet) e o Cen­tro Nacional de Mon­i­tora­men­to e Aler­tas de Desas­tres Nat­u­rais (Cemaden) man­têm o aler­ta de risco de novas inun­dações e desliza­men­tos de ter­ra na Bahia. As pre­cip­i­tações devem con­tin­uar, com pos­si­bil­i­dade de se esten­der, pelo menos, até a próx­i­ma terça-feira (28), segun­do o Cemaden.

Edição: Lílian Beral­do

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Dia do Amigo: relação é fundamental para a saúde mental, diz psicóloga

Repro­dução: © Marce­lo Camargo/Agência Brasil Especialistas ressaltam que ter amizades é importante desde a infância …