...
segunda-feira ,24 junho 2024
Home / Educação / Obmep Mirim aplica segunda etapa de provas nesta terça-feira

Obmep Mirim aplica segunda etapa de provas nesta terça-feira

Repro­dução: olimpiadamirim.obmep

Ao todo, 19 mil escolas públicas e privadas participam da competição


Pub­li­ca­do em 11/10/2022 — 15:59 Por Alana Gan­dra — Repórter da Agên­cia Brasil — Rio de Janeiro

Ouça a matéria:

Mais de 250 mil alunos do 2º ao 5º ano do ensi­no fun­da­men­tal da rede públi­ca par­tic­i­pam hoje (11) da segun­da eta­pa da 1ª Olimpía­da Mir­im de Matemáti­ca (Obmep Mir­im), pro­movi­da pelo Insti­tu­to de Matemáti­ca Pura e Apli­ca­da (Impa). O número cor­re­spon­dente a cer­ca de 10% dos 2,7 mil­hões de estu­dantes inscritos na primeira fase, que foram clas­si­fi­ca­dos para esta segun­da pro­va da Olimpía­da, desta­cou, em entre­vista à Agên­cia Brasil, o dire­tor adjun­to do Impa e coor­de­nador-ger­al da Olimpía­da Brasileira de Matemáti­ca (Obmep), Clau­dio Landim.

Ao todo, 19 mil esco­las de todo o Brasil par­tic­i­pam da com­petição de matemáti­ca, em sua primeira edição no país.

As provas da segun­da fase têm 15 questões obje­ti­vas, de múlti­pla escol­ha, como ocor­reu na primeira fase. Landim obser­vou que como se tra­ta de cri­anças menores, provas mais lon­gas seri­am cansativas. Por out­ro lado, os testes são cor­rigi­das pelos pro­fes­sores dos próprios estu­dantes. “Por isso, são questões de múlti­pla escol­ha e bem visuais porque as cri­anças ain­da têm difi­cul­dade de enten­der o enun­ci­a­do”. O con­teú­do abor­da­do cor­re­sponde ao grau de esco­lar­i­dade dos alunos, divi­di­dos nos níveis Mir­im 1 (2º e 3º ano do ensi­no fun­da­men­tal) e Mir­im 2 (4º e 5º ano do ensi­no fun­da­men­tal).

Para o dire­tor adjun­to do Impa, o resul­ta­do atingi­do pela 1ª Obmep Mir­im já fir­mou o even­to no cal­endário nacional. “A adesão se con­fir­mou. As esco­las que se inscrever­am na primeira fase estão par­tic­i­pan­do da segun­da fase. Nós temos uma capi­lar­i­dade em todo o Brasil. Esta­mos muito otimis­tas, inclu­sive porque este é o primeiro ano. As esco­las ain­da estão se adap­tan­do a essa pro­va”.

Landim lamen­tou que, em razão do orça­men­to lim­i­ta­do, o Impa não ten­ha envi­a­do as provas da segun­da fase impres­sas às esco­las, como ocorre na Obmep do 6º ano do ensi­no fun­da­men­tal ao 3º ano do ensi­no médio. “E isso invi­a­bi­li­zou a par­tic­i­pação de muitas esco­las, que não se sen­ti­ram capazes de aplicar a primeira fase”. Já na segun­da fase, as esco­las recebem as provas impres­sas, com os gabar­i­tos, por se tratar de um número menor de estu­dantes.

Escolas privadas

O coor­de­nador espera que, ao lon­go dos anos, o Impa con­si­ga encon­trar novos par­ceiros que per­mi­tam via­bi­lizar a impressão e o envio das provas e que a adesão aumente. “Já é nos­sa intenção con­vi­dar as esco­las pri­vadas no ano que vem, para par­tic­i­parem da olimpía­da”. Ele acred­i­ta que o número de inscritos se amplie ain­da mais. Landim afir­mo que todos os prob­le­mas e que­bra-cabeças pro­pos­tos vão aux­il­iar os pro­fes­sores a uti­lizá-los em sala de aula nos próx­i­mos anos. “Porque a ideia, jun­to com as provas, é que a gente comece a pro­duzir mate­r­i­al didáti­co e brin­cadeiras de matemáti­ca que pos­sam ser uti­lizadas pelos pro­fes­sores em suas aulas”.

O pro­fes­sor não tem dúvi­da de que isso aju­dará a tornar a matemáti­ca uma dis­ci­plina mais agradáv­el de se apren­der. “Mostrar que a matemáti­ca pode ser diver­ti­da, lúdi­ca”.

Para Landim, ape­sar de ser uma olimpía­da, a intenção não é faz­er dis­so uma com­petição entre as cri­anças. Ao con­trário, insis­tiu que as cri­anças não estão com­petindo umas com as out­ras e podem, inclu­sive, resolver os prob­le­mas jun­tas. “A ideia é cati­var as cri­anças para a matemáti­ca, mostrar que a matemáti­ca pode ser uma coisa mais diver­ti­da do que se imag­i­na ou do que os pais pos­sam pen­sar”.

O Insti­tu­to de Matemáti­ca Pura e Apli­ca­da (IMPA) é uma unidade de ensi­no e pesquisa qual­i­fi­ca­da como Orga­ni­za­ção Social vin­cu­la­da ao Min­istério da Ciên­cia, Tec­nolo­gia e Ino­vações (MCTI) e ao Min­istério da Edu­cação (MEC).

A 2ª Obmep Mir­im será lança­da em março de 2023 para todo o Brasil, já incluin­do as esco­las pri­vadas. O crono­gra­ma pre­vê a real­iza­ção das provas nos meses de agos­to e out­ubro.

A meta é man­ter as datas próx­i­mas da Obmep do 6º ano do ensi­no fun­da­men­tal ao 3º ano do ensi­no médio, de modo a con­sti­tuir a Sem­ana da Olimpía­da, fazen­do com que todas as esco­las do país este­jam mobi­lizadas em torno da Olimpía­da da Matemáti­ca, disse o coor­de­nador-ger­al da Obmep.

Edição: Maria Clau­dia

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Mulheres negras lideram maioria das comunidades na Baixada Santista

Repro­dução: © Tomaz Silva/Agência Brasil Elas têm pouco acesso a recursos e a políticas públicas, …