Whatsapp foi o app mais baixado no Brasil e no mundo em 2019

Whatsapp foi o app mais baixado no Brasil e no mundo em 2019

Publicado em 19/01/2020 – 08:00 Por Jonas Valente – Repórter Agência Brasil  * Brasília O aplicativo, ou app, Whatsapp foi o que apresentou o maior número de usuários no mundo e no Brasil. A Continue lendo »

Obra interativa de Jorge Pardo ocupa Octógono da Pinacoteca em SP

Obra interativa de Jorge Pardo ocupa Octógono da Pinacoteca em SP

Composta por 14 peças, instalação vai até o dia 2 de março Publicado em 18/01/2020 – 08:00 Por Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil  * Brasília Até o dia 2 de março, Continue lendo »

ANTT atualiza tabela dos valores do piso mínimo do frete

ANTT atualiza tabela dos valores do piso mínimo do frete

Resolução está publicada no Diário Oficial da União Publicado em 16/01/2020 – 17:20 Por Luciano Nascimento – Repórter da Agência Brasil  * Brasília A Agência Nacional de Transporte Terrestres (ANTT) publicou hoje Continue lendo »

Estação Antártica Comandante Ferraz é reinaugurada com 17 laboratórios

Estação Antártica Comandante Ferraz é reinaugurada com 17 laboratórios

Pesquisas começaram com lançamento de balão meteorológico Publicado em 15/01/2020 – 21:37 Por Jonas Valente – Repórter Agência Brasil  * Brasília Foi reinaugurada hoje (15) a base brasileira na Antártica. Batizada de Estação Antártica Continue lendo »

Site para restituição do Dpvat começa a funcionar hoje

Site para restituição do Dpvat começa a funcionar hoje

Mais de 1,9 milhão de veículos em todo o Brasil estão aptos a receber Publicado em 15/01/2020 – 05:47 Por Luciano Nascimento – Repórter da Agência Brasil  * Brasília Começa a funcionar a partir Continue lendo »

 

Plenário da Câmara aprova texto-base do pacote anticrime

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil (Reprodução)


Publicado em 04/12/2019 – 21:23

Por Agência Brasil *  Brasília


O plenário da Câmara aprovou, nesta quarta-feira (4), o texto-base do projeto de lei do pacote anticrime (PL 10372/18). O placar foi 408 votos a favor, 9 contra e 2 abstenções. Neste momento, os deputados estão analisando o destaque ao texto apresentado pelo partido Novo.

Mais cedo, os deputados aprovaram um pedido de tramitação em regime de urgência do PL, que foi aprovado por 359 votos a 9.

Os parlamentares aprovaram o substitutivo do deputado Lafayette de Andrada (Republicanos-MG), seguindo o texto do relator do grupo de trabalho, deputado Capitão Augusto (PL-SP). O grupo de trabalho analisou dois textos sobre o assunto encaminhados ao Legislativo. Uma das propostas originais foi elaborada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes e a outra pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro.

Para chegar ao texto final, o grupo de trabalho retirou temas polêmicos, como a definição de que não há crime se a lesão ou morte é causada por forte medo (o chamado excludente de ilicitude) e a previsão de prisão após condenação em segunda instância.

Entre os pontos que constam no projeto estão o aumento de 30 anos para 40 anos no tempo máximo de cumprimento da pena de prisão no país e o aumento da pena de homicídio simples se envolver arma de fogo de uso restrito ou proibido, que passará de 6 anos a 20 anos para 12 anos a 30 anos de reclusão.

* Com informações da Agência Câmara


Edição: Fábio Massalli
ATENÇÃO: Proibida a reprodução total ou parcial, sem autorização.
+ +
516818f96ee4c6a670af1c633b42627e jt0PqJln__RF0EooOzTmEF_pmqiQsbQDTN2dzQeL1rY