...
quarta-feira ,24 julho 2024
Home / Saúde / População deve manter afastamento social, defende Pazuello

População deve manter afastamento social, defende Pazuello

Ministro da Saúde, General Eduardo Pazuello, durante coletiva de imprensa do Ministério da Saúde, sobre a MP das vacinas, no Salão Oeste, do Palácio do Planalto.
© Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil (Repro­dução)

Ministro reafirma que vacinação deve começar ainda em janeiro


Pub­li­ca­do em 13/01/2021 — 12:54 Por Alex Rodrigues — Repórter da Agên­cia Brasil — Brasília

O min­istro da Saúde, Eduar­do Pazuel­lo, defend­eu, hoje (13), a importân­cia de os brasileiros con­tin­uarem seguin­do as recomen­dações das autori­dades de saúde como for­ma de ten­tar con­ter o aumen­to do número de casos do novo coro­n­avírus (covid-19).

“Todo mun­do deve estar foca­do em sal­var vidas. Cada um no seu papel. Se o papel da pes­soa é se pre­venir para não ficar doente, tomar seus cuida­dos, man­ter o afas­ta­men­to social, este é o papel dela”, disse o min­istro, em Man­aus, onde apre­sen­tou um bal­anço das ações dos gov­er­nos fed­er­al e estad­ual para ten­tar con­tro­lar a dis­sem­i­nação do coro­n­avírus no esta­do.

“Temos que nos cuidar. Temos que seguir as ori­en­tações dos gestores. Não adi­anta lutar con­tra isto”, disse Pazuel­lo após afir­mar que todos têm que colab­o­rar para que o país con­si­ga super­ar a doença. “O papel das equipes de mídia é infor­mar, man­ter a pop­u­lação a par do que está acon­te­cen­do para que ela fique cal­ma e con­fie em quem está tra­bal­han­do. O dos empresários é man­ter suas estru­turas fun­cio­nan­do para preser­var os empre­gos das pes­soas, mas com a dev­i­da pre­venção e cuida­dos médi­cos”.

O min­istro reafir­mou que a pop­u­lação brasileira começará a ser vaci­na­da ain­da este mês. E que as vaci­nas cuja segu­rança e eficá­cia forem com­pro­vadas serão dis­tribuí­das para todo o país ao mes­mo tem­po, de acor­do com a pro­porção pop­u­la­cional dos gru­pos con­sid­er­a­dos pri­or­itários. Pazuel­lo tam­bém ressaltou que a pop­u­lação dev­erá man­ter os cuida­dos que já vêm sendo recomen­da­dos, como o uso de más­cara, o dis­tan­ci­a­men­to social e a atenção à higiene das mãos e de obje­tos, mes­mo após o iní­cio da vaci­nação.

“Vamos vaci­nar em janeiro. A vaci­na induz à pro­dução de anti­cor­pos, mas isto não acon­tece no dia seguinte. A lit­er­atu­ra [médi­ca] fala em 30 a 60 dias. Não é tomar a vaci­na no dia 20 e, no dia 22 estar na rua fazen­do fes­ta”, aler­tou Pazuel­lo.

Tratamento precoce

O min­istro disse que dev­i­do à gravi­dade da situ­ação atu­al em Man­aus, a pri­or­i­dade deve ser o trata­men­to pre­coce nas unidades bási­cas de saúde. Des­de dezem­bro, o número de casos da covid-19 na cap­i­tal man­auara não para de aumen­tar.

“Não temos 30 ou 60 dias para esper­ar a imu­niza­ção total [de parte da pop­u­lação a par­tir da apli­cação da vaci­na]. A vaci­na faz parte de uma estraté­gia, cujo prin­ci­pal [ação] é o trata­men­to na unidade bási­ca de saúde, o diag­nós­ti­co clíni­co feito pelo médi­co”, disse o min­istro, acres­cen­tan­do que não há “como resolver esta situ­ação se não trans­for­mar­mos o atendi­men­to pre­coce em pri­or­i­dade da prefeitu­ra de Man­aus”.

Den­tre as ações em cur­so, como a aber­tu­ra de novos leitos hos­pi­ta­lares para atendi­men­to de pacientes com a covid-19 e o trans­porte de cilin­dros de oxigênio para suprir o aumen­to da deman­da, o min­istro men­cio­nou uma parce­ria com o Hos­pi­tal Sírio Libanês de “auxílio na gestão hos­pi­ta­lar”. De acor­do com o min­istro, a pro­pos­ta é que espe­cial­is­tas ver­i­fiquem os casos de pacientes inter­na­dos já em condições de deixar os hos­pi­tais, abrindo vaga para out­ras pes­soas.

“Na cor­re­ria, às vezes os médi­cos estão mais ocu­pa­dos com sal­var alguém do que em ver quem pode ir para lá ou para cá. Então, um apoio exter­no, neste momen­to, aju­dará nes­ta respon­s­abil­i­dade. Com isso, pre­tendemos ter mais 150 leitos [disponíveis] ain­da esta sem­ana, por des­ospi­tal­iza­ção para trata­men­to res­i­den­cial”, expli­cou Pazuel­lo.

Edição: Fer­nan­do Fra­ga

Agên­cia Brasil / EBC


Você pode Gostar de:

Inscrição para 1ª etapa do Revalida termina nesta sexta-feira

Repro­dução: © Marce­lo Camargo/Agência Brasil Provas estão previstas para dia 25 de agosto Publicado em …