...
sexta-feira ,1 março 2024
Home / Noticias / PRF dá dicas de segurança para quem vai pegar a estrada no carnaval

PRF dá dicas de segurança para quem vai pegar a estrada no carnaval

Repro­du­ção: © Antô­nio Cruz/Agência Bra­sil

Condutor deve fazer revisão do veículo antes de viajar


Publi­ca­do em 09/02/2024 — 07:28 Por Pau­la Labois­siè­re – Repór­ter da Agên­cia Bra­sil — Bra­sí­lia

ouvir:

Pres­tes a ini­ci­ar a Ope­ra­ção Car­na­val, a Polí­cia Rodo­viá­ria Fede­ral (PRF) divul­gou uma série de dicas de segu­ran­ça para quem vai pegar a estra­da duran­te os dias de folia.

A cor­po­ra­ção pede que o con­du­tor pla­ne­je a via­gem e faça a revi­são do veí­cu­lo. “É fun­da­men­tal veri­fi­car a pre­sen­ça e o fun­ci­o­na­men­to de todos os equi­pa­men­tos obri­ga­tó­ri­os. Veri­fi­que tam­bém a docu­men­ta­ção do veí­cu­lo e do con­du­tor”.

Outra ori­en­ta­ção é que todos os ocu­pan­tes do veí­cu­lo este­jam com docu­men­to de iden­ti­fi­ca­ção, inclu­si­ve cri­an­ças e ado­les­cen­tes.

“Res­pei­te os limi­tes de velo­ci­da­de esta­be­le­ci­dos para a via e obe­de­ça às pla­cas de sina­li­za­ção. Onde não exis­tir sina­li­za­ção ou se ela esti­ver pre­ju­di­ca­da, man­te­nha velo­ci­da­de com­pa­tí­vel com as con­di­ções da via. Quan­to mai­or a velo­ci­da­de, mai­or o ris­co e mais gra­ves os aci­den­tes.”

Cinto e cadeirinha

A PRF refor­ça que con­du­tor e pas­sa­gei­ros devem uti­li­zar o cin­to de segu­ran­ça, sen­do que cri­an­ças meno­res de 7 anos e meio devem uti­li­zar equi­pa­men­to obri­ga­tó­rio com­pa­tí­vel – bebê con­for­to, cadei­ri­nha ou assen­to de ele­va­ção.

“Em caso de autu­a­ção, o con­du­tor será pena­li­za­do e o veí­cu­lo fica­rá reti­do até a regu­la­ri­za­ção da infra­ção”, aler­tou.

Ultrapassagens

A cor­po­ra­ção pede que o moto­ris­ta ultra­pas­se sem­pre pela esquer­da e somen­te em locais per­mi­ti­dos, prin­ci­pal­men­te onde haja todas as con­di­ções neces­sá­ri­as para exe­cu­ção da mano­bra com segu­ran­ça.

Antes de ini­ci­ar uma ultra­pas­sa­gem, a ori­en­ta­ção é cer­ti­fi­car-se da dis­tân­cia e da visi­bi­li­da­de do veí­cu­lo que pre­ten­de ultra­pas­sar e dos que vêm em sen­ti­do con­trá­rio. Se outro veí­cu­lo esti­ver ultra­pas­san­do ou tiver sina­li­za­do a inten­ção de fazê-lo, dê a pre­fe­rên­cia e aguar­de.

“Sina­li­ze toda a mano­bra com ante­ce­dên­cia. Redo­bre a aten­ção ao ultra­pas­sar ôni­bus e cami­nhões. Por se tra­tar de veí­cu­los gran­des e pesa­dos, é pre­ci­so se cer­ti­fi­car de que há espa­ço sufi­ci­en­te para rea­li­zar uma ultra­pas­sa­gem segu­ra e, ao ser ultra­pas­sa­do, não ace­le­re, não mude a tra­je­tó­ria do veí­cu­lo e man­te­nha dis­tân­cia segu­ra do veí­cu­lo à fren­te.”

Chuva

Caso cho­va duran­te a via­gem, a ori­en­ta­ção é aci­o­nar os lim­pa­do­res de para-bri­sa, dimi­nuir a velo­ci­da­de e aumen­tar a dis­tân­cia em rela­ção ao veí­cu­lo que segue à fren­te. “Evi­te esta­ci­o­nar no acos­ta­men­to, caso tenha que parar, pro­cu­re um local segu­ro afas­ta­do da pis­ta de rola­men­to”.

Motocicletas

Ocu­pan­tes de moto­ci­cle­tas devem sem­pre usar o capa­ce­te. A PRF refor­ça ain­da que eles man­te­nham dis­tân­cia das late­rais tra­sei­ras dos veí­cu­los, eli­mi­nan­do assim o cha­ma­do pon­to cego.

“Antes de mudar de fai­xa de rola­men­to, use os retro­vi­so­res. Não tra­fe­gue pró­xi­mo a cami­nhões. O des­lo­ca­men­to de ar pro­du­zi­do por esses veí­cu­los pode deses­ta­bi­li­zar a moto­ci­cle­ta. Sem­pre cir­cu­le com o farol liga­do, para faci­li­tar a visu­a­li­za­ção da moto­ci­cle­ta pelos pedes­tres e pelos veí­cu­los que estão no sen­ti­do con­trá­rio.”

Outras orientações

A PRF lem­bra que o moto­ris­ta deve man­ter uma dis­tân­cia segu­ra do veí­cu­lo que vai à fren­te, a fim de se evi­tar coli­sões tra­sei­ras – tipo de aci­den­te que mais tem sido regis­tra­do no país – nos casos de fre­a­das brus­cas.

“Cui­da­do com os pedes­tres, prin­ci­pal­men­te em perí­me­tros urba­nos cor­ta­dos por rodo­vi­as. Redo­bre a aten­ção e redu­za a velo­ci­da­de sem­pre que veri­fi­car a pre­sen­ça de pedes­tres nos acos­ta­men­tos e às mar­gens das rodo­vi­as”.

“Tra­fe­gue sem­pre com os faróis ace­sos, mes­mo duran­te o dia. Isso aumen­ta a visi­bi­li­da­de aos demais con­du­to­res e, prin­ci­pal­men­te, aos pedes­tres, além de melho­rar a per­cep­ção de dis­tân­cia apro­xi­ma­da”.

A cor­po­ra­ção des­ta­ca que é impor­tan­te levar água, fru­tas e ali­men­tos não pere­cí­veis no inte­ri­or do veí­cu­lo, para situ­a­ções ines­pe­ra­das como con­ges­ti­o­na­men­tos e inter­di­ções de pis­ta.

Edi­ção: Valé­ria Agui­ar

LOGO AG BRASIL

Você pode Gostar de:

Bolsonaro volta a pedir afastamento de Moraes de inquérito sobre golpe

Repro­du­ção: © Mar­ce­lo Camargo/Agência Bra­sil Recurso deverá ser apreciado pelo presidente do STF Publi­ca­do em …