...
sexta-feira ,24 maio 2024
Home / Noticias / Suspeito de matar médicos é um dos alvos de ação nesta segunda-feira

Suspeito de matar médicos é um dos alvos de ação nesta segunda-feira

Repro­du­ção: © Tomaz Silva/Agência Bra­sil

Polícia Civil diz que médicos foram mortos por engano


Publi­ca­do em 09/10/2023 — 10:10 Por Vitor Abda­la — Repór­ter da Agên­cia Bra­sil — Rio de Janei­ro

ouvir:

Um dos sus­pei­tos de matar três médi­cos na sema­na pas­sa­da está entre os alvos de ope­ra­ção nes­ta segun­da-fei­ra (9) no Rio de Janei­ro. A Polí­cia Civil acre­di­ta que os médi­cos foram mor­tos por enga­no, por um gru­po cri­mi­no­so cha­ma­do de Som­bra, vin­cu­la­do ao Coman­do Ver­me­lho.

Segun­do a prin­ci­pal linha de inves­ti­ga­ção da polí­cia, um dos médi­cos foi con­fun­di­do com um desa­fe­to do gru­po Som­bra, por isso foi mor­to na madru­ga­da de quin­ta-fei­ra (5). Outros três médi­cos que esta­vam com ele foram bale­a­dos no ata­que a tiros, dos quais dois mor­re­ram e um ficou feri­do. Os qua­tro esta­vam em um qui­os­que na orla da Bar­ra da Tiju­ca, quan­do ocor­reu o aten­ta­do.

O secre­tá­rio esta­du­al de Polí­cia Civil, José Rena­to Tor­res, dis­se que o gru­po Som­bra era com­pos­to por cin­co pes­so­as, das quais qua­tro foram mor­tas horas depois do assas­si­na­to dos médi­cos.

Seus cor­pos foram encon­tra­dos em dois car­ros na madru­ga­da de sex­ta-fei­ra (6). A mor­te deles teria sido orde­na­da por lide­ran­ças do Coman­do Ver­me­lho, que fica­ram insa­tis­fei­tas com a reper­cus­são do caso na impren­sa.

Segun­do o secre­tá­rio, a pri­são des­te últi­mo sus­pei­to de matar os médi­cos pode aju­dar a elu­ci­dar o cri­me.

“Temos a expec­ta­ti­va de cap­tu­rá-lo com vida para que ele escla­re­ça ain­da mais as cir­cuns­tân­ci­as em que tira­ram a vida daque­les ino­cen­tes. É impor­tan­te que ele seja pre­so, para ele escla­re­cer nos­so inqué­ri­to de homi­cí­dio”, dis­se o secre­tá­rio.

Tor­res dis­se que o caso ain­da não está con­cluí­do e que pro­vas ain­da estão sen­do ana­li­sa­das.

“As pro­vas colhi­das até ago­ra, den­tro do inqué­ri­to da Dele­ga­cia de Homi­cí­di­os apon­tam para essa linha de inves­ti­ga­ção. Ago­ra, o inqué­ri­to está aber­to, novas pro­vas pre­ci­sam ser leva­das, como pro­vas tes­te­mu­nhais, para que essa ver­são seja defi­ni­ti­va­men­te o obje­to da nos­sa inves­ti­ga­ção”, afir­mou Tor­res.

Segun­do eles, lide­ran­ças da fac­ção cri­mi­no­sas envol­vi­das na mor­te dos qua­tro sus­pei­tos de matar os médi­cos tam­bém estão entre os alvos da ope­ra­ção des­ta segun­da-fei­ra. Os man­da­dos expe­di­dos, no entan­to, são por outros cri­mes e não pelas qua­tro mor­tes.

O crime

Os médi­cos orto­pe­dis­tas Mar­cos de Andra­de Cor­sa­to, Die­go Ralf Bom­fim e Per­seu Ribei­ro Almei­da esta­vam no Rio de Janei­ro para par­ti­ci­par de um con­gres­so inter­na­ci­o­nal de cirur­gia orto­pé­di­ca.

Eles foram assas­si­na­dos na madru­ga­da da últi­ma quin­ta-fei­ra (5) em um qui­os­que na orla da Bar­ra da Tiju­ca, pró­xi­mo ao hotel onde ocor­reu o con­gres­so. O gru­po alve­ja­do por tiros tinha qua­tro médi­cos, um deles, Dani­el Son­newend Pro­en­ça sobre­vi­veu.

O irmão da depu­ta­da fede­ral Sâmia Bom­fim (PSOL-SP), Die­go Ralf Bom­fim foi um dos três médi­cos assas­si­na­dos no qui­os­que na orla da Bar­ra da Tiju­ca. Mar­cos de Andra­de Cor­sa­to e Per­seu Ribei­ro foram as duas outras víti­mas mor­tas no ata­que.

Repre­sen­tan­tes das famí­li­as das três víti­mas esti­ve­ram no Ins­ti­tu­to Médi­co Legal do Rio de Janei­ro duran­te a tar­de para a libe­ra­ção dos cor­pos.

O gru­po esta­va hos­pe­da­do em hotel em fren­te ao qui­os­que e par­ti­ci­pa­va do 6º Con­gres­so Inter­na­ci­o­nal de Cirur­gia Mini­ma­men­te Inva­si­va do Pé e Tor­no­ze­lo (Mifas), ini­ci­a­do nes­ta quin­ta-fei­ra. Por con­ta do cri­me, a orga­ni­za­ção can­ce­lou a cerimô­nia de aber­tu­ra, que seria rea­li­za­da duran­te a tar­de.

Edi­ção: Maria Clau­dia

LOGO AG BRASIL

 

 

Você pode Gostar de:

Caminhos da Reportagem revela os desafios da agricultura familiar

Repro­du­ção: © Fra­me: TV Bra­sil Atração jornalística vai ao ar neste domingo, às 22h, na TV …